Viabilizando prédio, Rezende busca implantar Escola Tiradentes no Oratório Filhos de Dom...
Supermoveis



Viabilizando prédio, Rezende busca implantar Escola Tiradentes no Oratório Filhos de Dom Bosco

Fonte: Da redação
SHARE

O deputado estadual Sebastião Rezende tem continuado sua mobilização para instalação da Escola Militar Tiradentes em Rondonópolis. Desde o começo deste ano, ele tem negociado junto à Secretaria de Estado de Educação, Esporte e Lazer (Seduc) para que o estabelecimento possa funcionar inicialmente, até que tenha uma sede própria, em prédio do Oratório Filhos de Dom Bosco, no Parque Universitário.

A princípio, a Escola Tiradentes estava prevista para ser instalada ainda em 2017 no prédio onde funcionava a Secretaria Municipal de Esportes, na Rua João Pessoa, ao lado da EEMOP, no Centro. Contudo, Rezende informa que a Prefeitura de Rondonópolis, que ficou de realizar a reforma do referido prédio, alegou que uma avaliação da sua área de engenharia constatou que a estrutura do espaço está condenada, não podendo fazer uso do mesmo.
Vale lembrar que, no começo de 2017, Rezende fez uma indicação ao Governo do Estado para instalação de uma Escola Militar Tiradentes em Rondonópolis. Em função do imprevisto junto à Prefeitura, ele diz que agora, em janeiro de 2018, o padre Danilo Rinaldi disponibilizou o espaço do Oratório Filhos de Dom Bosco para funcionamento da Escola Militar. E, nesse mesmo mês, articulou uma visita da equipe da Seduc para conhecer o espaço. Nesse sentido, conseguiu junto ao governador Pedro Taques e ao secretário estadual de Educação, Marco Marrafon, o compromisso para que o Estado pague o aluguel ao padre Danilo.

Conforme o parlamentar, o contrato de locação já está bem adiantado, faltando agora apenas fazer algumas adequações na estrutura física do Oratório Filhos de Dom Bosco. Assim, a intenção é que a Escola Tiradentes possa começar a funcionar em Rondonópolis a partir do segundo semestre deste ano. Ele ressaltou ainda que esse tipo de estabelecimento é muito importante, com um modelo diferenciado de ensino, baseado no ensino militar, com princípios e valores que formam cidadãos e garantem qualidade de ensino. “São ensinamentos que servem para uma conduta de toda uma vida”, atesta.

Existe uma parceria entre a Seduc e a Secretaria de Estado de Segurança Pública na implantação e manutenção das escolas militares, que seguem a matriz curricular da rede estadual, com o desenvolvimento nos alunos do sentimento de amor à Pátria, da mentalidade de disciplina consciente, do culto às tradições nacionais, regionais e do respeito à cidadania e aos direitos humanos, além do aprimoramento das qualidades físicas do educando.