Vereadores discutem projeto que altera tempo de uso de motos para mototaxistas
Fullbanner1

Gov

Adventista

Vereadores discutem projeto que altera tempo de uso de motos para mototaxistas

Fonte:
SHARE

Assessoria

O vereador João Mototáxi (PSL) apresentou nesta terça-feira, durante a reunião de ordem do dia, um projeto de Lei que altera de seis para oito anos o tempo de uso mínimo das motocicletas que prestam serviço de mototáxi em Rondonópolis. O vereador ainda argumentou que o projeto atende um pedido da categoria e que com a mudança as motos passarão por duas vistorias anuais pela Setrat antes de serem autorizadas a rodar.

“Na verdade esse é um pedido antigo, pois da forma que está fica muito pesado para os nossos mototaxistas”, argumentou o vereador.

O projeto deve ser apreciado na sessão desta quarta-feira da Câmara de Vereadores.

Durante a ordem do dia , os vereadores receberam representantes da Escola Matheus Vinicius e também pais de alunos da unidade. A reivindicação é para que os legisladores intercedam junto à Secretária Municipal de Educação, para que troque a indicada à direção da escola, que por sua vez foi feita pela administração pública, visto que não houve concorrentes para a vaga.

Assim como a escola Matheus Vinicius outras unidades estão com problemas semelhantes. “A escola Arão Gomes Bezerra, Bernardes e Estela Maris também estão com problemas e a comissão de educação da Câmara de Vereadores deve ir para uma reunião em uma delas hoje. Podemos organizar e, posteriormente, nos reunir em assembleia com as outras comunidades escolares”, sugeriu o vereador Professor Sidney Fernandes.

O vereador Beto do Amendoim sugeriu que a comissão de educação faça assembleias e monte relatórios para que sejam sugeridas soluções para o que vem acontecendo nas unidades escolares. “A primeira reunião está agendada e as outras vão ser organizadas em breve. É preciso que façamos pontuações sugestivas para esta demanda”, conclui.