Uniasselvi realiza 1º Congresso Nacional de Direitos Humanos e Sustentabilidade
Supermoveis



Uniasselvi realiza 1º Congresso Nacional de Direitos Humanos e Sustentabilidade

Fonte: Da redação
SHARE

Com objetivo de desenvolver a iniciação científica dos alunos dos cursos de ciencias aplicadas, especialmente do curso de Direito da Uniasselvi de Rondonópolis é que a comissão do departamento da instituição, realizou nesta semana o 1º CONADHS e Sustentabilidade, que aconteceu nos dias 08 e 09 no Espaço Tulipas, no bairro Sagrada Família.

Conforme o professor Eleonardo Carvalho Peixoto, um dos organizadores do evento, a proposta foi de proporcionar aos alunos a participação ativa na programação, para que fossem estimulados a realizar trabalhos científicos, e para apresentar estes resumos expandidos através de posteres que foram distribuídos na recepção do evento que conta com cinco intituições de diferentes estados e palestras diferenciadas variadas.
“O evento é nacional, tem parceiros que deram notoriedade e com isso deve repetir nos anos seguintes, pois não temos cultura acadêmica de produção científica na região. Inicialmente os alunos ficaram desconfiados da capacidade e dimensão da importância do evento, mas compraram a idéia e assim o evento aconteceu”, explicou o professor que almeja tornar a cidade um pólo de iniciação científica e o evento seja um local onde a região Centro Oeste apresentem seus trabalhos.

O advogado Rafael Soares que é professor e palestrante do evento, participou com um mini curso para abordar assuntos do direito eleitoral, uma matéria prática e bastante dinâmica. Para ele a oportunidade foi importante para esclarecer dúvidas, e enriquecida com a presença do juiz eleitoral e secretário geral da OAB, Ulisses Rabaneda.

“Este é o primeiro evento nacional de nossa cidade e já nasceu grande. Vem para somar e agregar no ambito nacional”, anseia o advogado.

A aluna Melina Oliveira disse que a proposta foi muito válida, pois a fez pensar em realizar uma pesquisa, ir a fundo em um assunto, saindo do cotidiano de sala de aula.

“Foi uma grande oportunidade de sair da superficialidade. Com certeza isso contribui para minha formação, mas acima de tudo nos incentivou a começar a escrever nos abrindo um leque além da graduação, mas a linha de pesquisa”, explicou a aluna.

O evento contou com palestras sobre Direitos Humanos na esfera criminal, Bacias Hidrográficas, Drogas e Cidadania, Consumismo e Biomanipulação.