Tchê Tchê busca adaptação a novo esquema e evita avaliar Palmeiras
Supermoveis

Gov

Adventista

Tchê Tchê busca adaptação a novo esquema e evita avaliar Palmeiras

Fonte: Rodrigo Faber
SHARE

A saída de Cuca para a chegada de Eduardo Baptista
representou uma grande mudança do ponto de vista tático para os jogadores do
Palmeiras. Agora posicionados no 4-1-4-1, os remanescentes do elenco campeão brasileiro,
como o meio-campista Tchê Tchê, buscam adaptação ao novo esquema.

Presente em 37 dos 38 jogos que levaram o Verdão ao título
nacional, o atleta explicou que agora tem mais liberdade para avançar ao
ataque. De volante mais recuado, Tchê Tchê passou a atuar aberto pela direita
na linha de quatro. 

– Estou numa posição um pouco diferente do que eu vinha
fazendo com o Cuca, estou me adaptando ainda, tenho muito mais liberdade para
entrar na área, fazer jogadas ofensivas. Quando o Felipe (Melo) saiu domingo (no empate por 1 a 1 com a Ponte Preta),
recuei um pouco, até estranhei. Mas é algo bom, venho me adaptando bem, vou
procurar dar meu máximo – falou. 

Além das vitórias nos jogos-treino contra União Barbarense,
Atibaia e Nacional, o Palmeiras disputou dois amistosos em 2017. Empatou ambos:
2 a 2 com a Chapecoense e 1 a 1 com a Ponte Preta. Para Tchê Tchê, ainda não é
possível dar qualquer parecer em relação à equipe.

+ Com Guerra em campo, Palmeiras vence jogo-treino contra o Nacional

– É um pouco cedo ainda para avaliar, dar um parecer para o
torcedor. A gente sempre entra nas competições visando título, este ano não vai ser
diferente, tudo que formos disputar vamos dar o máximo. Quando faltar na parte
técnica vamos superar com a raça e a garra – opinou.

O Palmeiras estreia no Campeonato Paulista no próximo
domingo, às 17h (horário de Brasília), contra o Botafogo-SP, na arena. De folga
nesta terça, a equipe volta a trabalhar na Academia de Futebol na manhã da
próxima quarta.