Taques diz que MT não está quebrado e que não vai roubar...
Fullbanner1


Macropel

Taques diz que MT não está quebrado e que não vai roubar para pagar salário

Fonte: Da Redação
SHARE
Foto - Facebook

O governador Pedro Taques (PSDB) resolveu usar a tática da conversa franca e tem usado as redes sociais, sobretudo o Facebook, e realizado lives (transmissão ao vivo)  debatendo com seus seguidores e respondendo perguntas sobre Mato Grosso. A pauta principal tem disso, é claro, a crise orçamentária que o estado tem passado e que tem comprometido até pagamento de salários. O gestor, porém, não admitiu que o estado esteja quebrado. Relembrou a roubalheira de seus antecessores, no caso específico o ex-governador Silval Barbosa, que chefiou o estado pelo PMDB, e indicou que o rombo lá de trás reflete agora. Se utilizando disso, o tucano deixou claro que não adotará nenhuma manobra ilícita para deixar as contas em dia. “As administrações anteriores tinham dinheiro. Muito dinheiro. Mas esse dinheiro era muito mal aplicado, inclusive era roubado. Segundo a Justiça, grupos criminosos já teriam desviado mais de R$1 bilhão (…) Dez estados da Federação estão atrasando o salário e nós pagamos dia 10 (novembro) até quem ganha R$ 7 mil. Eu só fiz isso porque nós tiramos R$ 50 milhões do salário dos servidores para pagar a saúde. Eu não vou roubar para pagar salário”, finalizou, indicando sua priorização orçamentária. O governador aguarda, no entanto, para salvar o fim ano, mais de R$ 320 milhões do FEX, mais de R$ 120 milhões em emendas e outros R$ 120 milhões da Conab. Todos com possibilidade de sair nos próximos dias…

Montreal