Taques anuncia Central de Projetos para auxiliar prefeituras
Fullbanner1

Fullbanner2


Taques anuncia Central de Projetos para auxiliar prefeituras

Fonte:
SHARE
Foto: Assessoria

O governador Pedro Taques anunciou a criação de uma Central de Projetos, na Secretaria de Estado de Cidades (Secid). O anunciou foi feito pelo governador durante reunião com os prefeitos municipais e o ministro das Cidades, Gilberto Kassab, na Arena Pantanal, na quinta-feira, 4.

O objetivo do governo é usar a equipe de engenharia da Secid para atender às demandas municipais, colaborando na concepção de projetos que serão apresentados ao Governo Federal para a busca de convênios. Aos prefeitos, Taques relembrou a afirmação de Kassab de que não faltam recursos no ministério. Entretanto, as obras não acabam acontecendo por falta ou deficiência nos projetos que são protocolados.

Conforme o governador, a Central de Projetos será concretizada por meio de convênio entre a Secid e a Associação Mato-grossense dos Municípios (AMM). “A AMM tem técnicos para fazer projetos, mas não em número suficiente. Muitos municípios não têm engenheiros e arquitetos, daí o Estado vai firmar um convênio com a AMM para possibilitar a elaboração desses projetos”, disse o governador.

Taques destacou que a ideia é a Central de Projetos atuar de forma itinerante. Segundo o governador, acolhendo a sugestão do ministro, a central de projetos também deve compor a Caravana da Transformação que percorrerá o Estado neste ano.

“Como disse o ministro, a questão não é recurso, mas projetos mal elaborados. Tenho certeza da intenção do ministro em nos ajudar, mas sem projeto não há o que fazer”, comentou Taques.

Segundo o secretário de Estado de Cidades, Eduardo Chiletto, a central também irá diminuir o tempo entre a realização dos projetos e a conclusão das obras, que muitas vezes ficavam para a gestão passada.

Kassab destacou a importância de entregar bons projetos ao ministério para que recursos sejam destinados para as obras nos municípios. Lembrou que mesmo em ano eleitoral, é possível a destinação, mas que para isso é necessário ter projetos.

O prefeito Érico Piana ressaltou a importância da criação da Central de Projetos como forma de suprir a inexistência de técnicos nos municípios para a elaboração de projetos. “Hoje, a AMM vem prestando esse serviço, mas não consegue atender a demanda, porque os recursos são poucos”, declarou.

Montreal