Taça Guanabara inspira rivalidades há mais de 50 anos. Confira curiosidades
Supermoveis

show


Taça Guanabara inspira rivalidades há mais de 50 anos. Confira curiosidades

Fonte: SporTV.com
SHARE

Primeiro turno do Campeonato Estadual do Rio, a Taça Guanabara vai começar nesta
quarta-feira, às 16h30m, no Estádio do Bangu, em Moça Bonita, com um jogo antecipado da segunda rodada do Grupo B, entre Madureira e Botafogo, já que o alvinegro está envolvido na disputa da Pré-Libertadores e vai folgar no campeonato local na rodada dos dias 3 e 4 de fevereiro.

Parte integrante do Campeonato Carioca, a Taça Guanabara é praticamente uma competição à parte dentro do Estadual, tendo em vista sua tradição e o interesse que desperta entre os clubes e a torcida.
Ser campeão desse troféu dá um status superado apenas pelo título estadual. Em tupi-guarani, a palavra Guanabara quer dizer braço de mar ou seio de mar.

A  Taça Guanabara foi criada em 1965, para apontar o representante carioca na Taça
Brasil, a competição nacional daquela época. A Taça Brasil foi extinta em 1969, mas a Taça Guanabara continuou a ser disputada. Assim, passou a ser o primeiro turno do Campeonato Carioca (depois Estadual), em 1972. Oito anos depois, foi disputada como um torneio separado. Entre 1981 e 1993, a disputa voltou a valer pelo primeiro turno do Estadual. Em 1994 e 1995, o Estadual teve os clubes divididos em dois grupos na primeira fase. Os campeões de cada chave decidiam a taça.

Já no campeonato de 1996, o troféu voltou a valer como primeiro turno do Estadual
e ser disputado em turno único. Ano passado, devido às obras no Maracanã para a Olimpíada e a Paralimpíada, a Taça Guanabara foi decidida pela primeira vez fora do Estado do Rio, praticamente às margens do Rio Amazonas, na Arena da Amazônia, em Manaus, onde o Vasco derrotou o Fluminense por 1 a 0 e ficou com o troféu.

A Taça leva o nome do antigo Estado da Guanabara. Em 1960, quando o Rio deixou de ser a capital federal, o antigo Distrito Federal passou a se chamar Guanabara, uma cidade-estado. Em 1975, com a fusão entre os estados do Rio de Janeiro e da Guanabara, a cidade do Rio de Janeiro passou a ser capital do estado do mesmo nome.   

Em resumo, o Flamengo tem 20 títulos, o Vasco, 12, Fluminense, 9, o Botafogo, 8, enquanto América, Americano
e Volta Redonda têm 1.

No Rio, ser campeão da Taça Guanabara dá realmente um status de campeão, com direito
a faixa, poster, volta olímpica e gozação sobre os rivais, algo que não existe na imensa maioria dos outros estaduais, onde praticamente não se comemora uma conquista de turno. A festa é completa quando o clube campeão desse troféu acaba festejando também
o mais importante: o estadual.  No Rio, essa dobradinha  já aconteceu em algumas oportunidades, como no campeonato passado com o Vasco. Confira abaixo os anos em que o clube se sagrou campeão dos dois torneios:

Flamengo –
1972, 1978, 1979, 1981, 1996, 1999,  2001, 2004, 2007, 2008, 2011 e 2014;

Vasco – 1977, 1987, 1992, 1994, 1998, 2003, 2016;

Fluminense – 1969, 1971, 1975, 1983, 1985, 2012

Botafogo – 1968, 1997, 2006, 2010, 2013