Setrat busca agilidade na homologação do RNAV para pousos no aeroporto de...
Fullbanner1



Setrat busca agilidade na homologação do RNAV para pousos no aeroporto de Rondonópolis

Fonte: Assessoria
SHARE
Foto: Assessoria

Os pousos e decolagens no Aeroporto Municipal Maestro Marinho Franco, em Rondonópolis, estão mais próximos de contar com o sistema de Navegação Aérea (RNAV) após a certificação operacional feita pela Secretaria de Transporte e Trânsito ter sido protocolada no dia 23 de março na Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) em Brasília. Com isso, o próximo passo será a análise e vistoria feitas pela ANAC e depois a concessão da homologação do RNAV.

Desde que assumiu a pasta, o secretário de Transporte e Trânsito (Setrat) Rodrigo Metello recebeu a missão de concretizar o processo de certificação operacional necessário para protocolar o pedido de homologação do RNAV junto à ANAC. O equipamento era para ter entrado em vigência em 15 de setembro, no entanto, só agora com a nova administração municipal que a certificação teve andamento.

“Agora só aguardar a análise e retificação operacional da portaria da Anac, com a ativação imediata dos procedimentos RNAV,” comentou Metello.

O secretário destacou que este foi um esforço em conjunto da Setrat com a gerente do Departamento Administrativo Aeroportuário, Daiane Tobias dos Reis, que esteve representando o município em Brasília e protocolou o documento junto a ANAC. A previsão que a vistoria da Anac seja feita no prazo de até 90 dias.

Atualmente, o Aeroporto Municipal já conta com o auxílio da Estação Prestador de Serviço de Telecomunicações e de Tráfego Aéreo (EPTA) e dos Indicadores de Precisão de Trajetória de Aproximação (PAPI). O sistema de navegação “RNAV” que minimizará os problemas como cancelamento de voos ou aterrissagem devido às condições climáticas.