Sesc Pantanal realiza pré-lançamento da 4ª edição do evento gastronômico Pantanal Cozinha...
Adventista



Sesc Pantanal realiza pré-lançamento da 4ª edição do evento gastronômico Pantanal Cozinha Brasil

Fonte: Assessoria.
SHARE
Foto: Assessoria.

Evento reúne chefs e apaixonados pelo mundo da culinária nos dias 09 e 10 de Outubro no Centro de Eventos do Pantanal.

Quem nunca ficou com água na boca ao se deparar com uma mesa posta com iguarias tradicionais da culinária pantaneira? Do pacu assado na folha de bananeira à paçoca socada no pilão. As receitas são como um patrimônio da cultura regional. Como forma de preservar e valorizar as tradições dessa gastronomia tão rica de sabores e significados, o Sesc Pantanal participa pela segunda vez do Pantanal Cozinha Brasil, evento que reúne chefs, gourmets e apaixonados pelo mundo da culinária.

No pré-lançamento do evento, o Sesc Pantanal convidou jornalistas e formadores de opinião a mergulharem numa experiência repleta de cultura e tradição. A visita guiada levou os comunicadores a um passeio que teve início no Hotel Sesc Porto Cercado, a 145 km de Cuiabá, na região de Poconé. Em seguida, o grupo seguiu de barco pelo rio Cuiabá e se deparou com uma exuberante paisagem e ainda cenas, como a de um mergulho divertido de ariranhas e a revoada das mais diversas aves presentes na fauna pantaneira.

Ao final do passeio pelo rio, todos foram conduzidos a uma trilha dentro de um dos postos de proteção da Reserva Particular do Patrimônio Natural, a RPPN Sesc Pantanal. O posto Estirão foi escolhido para recepcionar os visitantes com o melhor do banquete pantaneiro, feito por uma equipe que tem no coração e no sangue, o orgulho de pertencer à região que abriga a maior planície alagada do mundo.

O pacu assado na folha de bananeira preparado pelo seu Manoel Dias, cozinheiro do Hotel Sesc Porto Cercado, foi assado no “moquém”: um buraco na terra onde o fogo é aceso sob uma estrutura de madeira onde o peixe recebe o calor na medida certa, resultando em uma carne macia e de sabor marcante. “Eu tenho orgulho de preparar as receitas que aprendi com meus pais e meus avós. Todos os visitantes, principalmente os que não são da região ficam impressionados com o sabor da comida pantaneira”, conta Manoel, que é filho de pescadores, nasceu em Barão de Melgaço e antes de fazer parte da equipe do Sesc, era um típico ribeirinho.

Outra iguaria oferecida aos convidados, foi uma torta de mujica de pintado. A receita teve como um dos ingredientes a mandioca, que será o alimento homenageado nesta edição do Pantanal Cozinha Brasil. O chefe de cozinha do Hotel Sesc Porto Cercado, Germano Conceição, explicou que sempre valoriza os pratos envolvendo ingredientes regionais. “Temos diversas receitas tradicionais que fazem muito sucesso entre os hóspedes, e o que fazemos, é apenas aprimorar algumas delas, dando origem, por exemplo, a essa torta de mujica que leva a mandioca na massa”, disse.

A Superintendente do Sesc Pantanal, Christiane Caetano diz que um dos pilares de atuação do Sesc se dá justamente com a valorização da cultura local e a culinária tem papel fundamental nisso. “Essa parceria com o Pantanal Cozinha Brasil é muito bem vinda. Temos aqui uma forte atuação na conservação do meio ambiente e também trabalhamos para promover essa cultura pantaneira, tão forte e tão rica, e a gastronomia faz parte desse ciclo de experiências principalmente para o turista conhecer e valorizar a cultura local. O que vai para a mesa do pantaneiro diz muito sobre sua história, suas influências e vivência. Preservar esses hábitos é uma forma de manter essa cultura e a gastronomia é um eixo importantíssimo nesse processo de valorização”, explica Christiane.

Francine Ferrari, Chefe do Núcleo de Alimentos e Bebidas do Sesc Pantanal explica que a valorização da cultura local vai além da divulgação das receitas tradicionais servidas no cardápio do Hotel. “Nós priorizamos também o pequeno produtor local. Boa parte das hortaliças orgânicas que servimos aos hóspedes, por exemplo, compramos de um produtor de Poconé, bem como os doces que vem de uma doceira de Nossa Senhora do Livramento”, explica Francine.

Pantanal Cozinha Brasil

A edição 2018 do Pantanal Cozinha Brasil, que ocorre no Centro de Eventos do Pantanal em Cuiabá, nos dias 09 e 10 de outubro, terá um caráter abrangente. Reúne não só atividades técnicas para profissionais da área e estudantes de gastronomia, como oficinas e palestras com chefs de cozinha de projeção nacional e regional, e ainda uma ampla programação voltada para a sociedade em geral, incluindo o público infantil.

Para dias de evento, o Sesc Pantanal preparou um espaço que levará os visitantes a uma viagem nostálgica aos antigos armazéns regionais – os bulixos pantaneiros -, inclusive com paçoca de carne seca sendo pilada e servida na hora.

João Carlos Caldeira, organizador do evento, diz que dos 36 convidados que irão ministrar palestras e oficinas, 29 são de Mato Grosso. “Queremos ressaltar a cultura pantaneira através dessas pessoas que conhecem tão bem os produtos, ingredientes e a forma de preparo da culinária do nosso estado”, disse. Além disso, Caldeira destacou a atuação do Sesc Pantanal. “Essa parceria com o Sesc Pantanal deve amplificar todo o trabalho de preservação do meio ambiente e da cultura realizado tanto na Reserva quanto no Hotel. O polo ambiental Sesc Pantanal funciona como uma grande vitrine da fauna, flora e cultura mato-grossense e as pessoas precisam conhecer essa identidade cultural do pantaneiro que é tão marcante”, pontua.