Sem Guerra, Eduardo espera Michel Bastos e fala em encaixe no Palmeiras
Fullbanner1



Sem Guerra, Eduardo espera Michel Bastos e fala em encaixe no Palmeiras

Fonte: Rodrigo Faber
SHARE

O técnico Eduardo Baptista perdeu o meio-campista Guerra,
lesionado, para o jogo de ida das quartas de final contra o Novorizontino,
domingo, às 19h (horário de Brasília), em Novo Horizonte. Confiante no retorno
de Michel Bastos, o comandante disse que levará a campo a equipe do Palmeiras de melhor
encaixe neste momento.

Às vésperas do primeiro jogo de mata-mata nesta temporada,
Eduardo optou pela privacidade. Fechou completamente os treinos do Palmeiras à
imprensa. Após não ter Michel, poupado, na derrota para a Ponte Preta, o
técnico deve contar com o retorno do meio-campista no próximo domingo.

– O Michel passou por uma transição, por isso ficou fora.
Temos a volta do Mina inteiro, do Borja, lamentamos a lesão do Guerra, era um
jogador que contávamos. Tinha enorme chance de jogar, mas acontece, o Palmeiras
tem elenco para suprir. Vamos com força máxima – explicou, em entrevista
coletiva nesta sexta-feira. 

> Eduardo descarta favoritismo e lembra rival em 2008: “Ficou na conversa”> Dudu apresenta centro de excelência do Palmeiras: “Primeiro mundo”> Privacidade e mudanças: Palmeiras se fecha antes de primeira decisão> Ex-gerente de posto, Eduardo define seu combustível no Palmeiras: títulos

Questionado sobre uma prévia da escalação do Palmeiras para
encarar o Novorizontino, Eduardo fez elogios a Róger Guedes e Hyoran e
aproveitou para assegurar que a base da equipe será mantida.

– O Keno fez um bom papel, o Guedes vem fazendo um bom
papel, deu uma caída, e hoje está se consolidando, vai ter de continuar bem. Tem
gente trabalhando. O Hyoran entrou muito bem, ganhou cinco quilos de massa
muscular. Ganhamos boas opções para o Guerra. Tem a volta do Michel, o (Raphael)
Veiga fez uma boa partida. Vamos treinar. Mas a espinha dorsal vocês (jornalistas)
não vão errar – disse.

Além de Guerra, o Palmeiras também não terá Zé Roberto e
Vitor Hugo, suspensos. Por outro lado, em relação ao jogo contra a Ponte Preta,
além de Michel Bastos, o Verdão contará com os retornos de Mina e Borja, que
estavam a serviço da seleção colombiana, e Tchê Tchê, que havia ficado fora
pelo terceiro cartão amarelo.