Segundo Procon/MT, Energisa foi a mais reclamada de 2015
Fullbanner1

Fullbanner2


Segundo Procon/MT, Energisa foi a mais reclamada de 2015

Setor de serviços essenciais segue sendo o que causa mais revolta em seus consumidores

Fonte:
SHARE

Consumidores acionaram o Procon/MT por vários motivos, em 2015, mas nada superou a insatisfação dos cidadão do que o setor de “Serviços Essenciais”. Neste ranking, segue liderando a categoria “Energia Elétrica”, em Mato Grosso de Responsabilidade da empresa Energisa, com 5.203 atendimentos. Maior parte dos reclames dando conta de constantes interrupções.

Logo em seguida, estão queixas por “Água e Esgoto”, que teve 4.657 registros. A terceira posição ficou com “Telefonia Celular”, com 2.352 reclamações. No ano todo de 2015, o Procon Estadual, órgão vinculado à Secretaria de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh), registrou exatos 37.248 atendimentos totais.

Por meio do Sistema Nacional de Informações de Defesa do Consumidor (Sindec) foram 30.496 registros, enquanto pela ferramenta de atendimento online – www.consumidor.gov.br – foram 6.752 reclamações em Mato Grosso.

O setor de “Assuntos Financeiros” também merece destaque. Foram 2.492 procedimentos para a categoria “Financeira”, 1.584 para “Banco Comercial” e 1.120 para “Cartão de Crédito”.

A lista com as primeiras 10 posições mais reclamadas de forma presencial em 2015 no Procon/MT ficou assim:

1º – ENERGISA S/A
2º – CAB CUIABÁ S/A (Água e Esgoto)
3° – CLARO S/A
4° – VIVO S/A
5° – SKY BRASIL SERVIÇOS LTDA
6° – OI CELULAR S/A
7° – CAIXA ECONÔMICA FEDERAL
8° – NET SERVIÇOS DE COMUNICAÇÃO S/A
9° – BANCO BRADESCO S/A
10º – BANCO DO BRASIL S/A.

Integram o banco de dados do Procon-MT os registros efetuados na sede do órgão e nos postos de atendimento do Ganha Tempo e da Assembleia Legislativa.

Fonte: Da Redação com MT Mais

Montreal