Roger Flores elogia provocação de Felipe Melo: “Necessária e saudável”
Adventista



Roger Flores elogia provocação de Felipe Melo: “Necessária e saudável”

Fonte: SporTV.com
SHARE

O Palmeiras venceu o Santos, neste domingo, de
virada, pelo Campeonato Paulista, com um gol de Willian aos 42 minutos do
segundo tempo. Além do fim do jejum alviverde de quase seis anos sem derrotar o Peixe
na Vila Belmiro, o duelo foi marcado pela troca de provocações entre o volante
Felipe Melo e torcedores santistas. O comentarista Roger Flores
considera que rivalidade do tipo é saudável e que o jogador não fez algo ofensivo. 

– Eu acho que essa provocação de ambas as partes é
necessária, saudável, no limite. Não xingou ninguém, fez a dancinha dele (…)
Eu fui um jogador que sofri demais com as provocações das torcidas
adversárias, e eu entrava nessa brincadeira. Reagia dentro do contexto da
provocação, nunca de forma agressiva. Isso é muito legal – disse.

O comentarista Maurício Noriega foi além e apontou Melo como
capaz de explorar a sua própria imagem de forma positiva e criar uma conexão
com a torcida alviverde a partir das provocações.

– Ele sabe fazer uma coisa que no mundo empresarial chamam
de “branding”. Se comunica com o público dele. Fala com a torcida do Palmeiras,
manda mensagem. E não tem nenhum desrespeito – disse. 

Diante de pouco mais de 8 mil pessoas na Vila, Ricardo
Oliveira abiu o placar aos 29 do segundo tempo. Jean empatou aos 40, e Willian
deu números finais ao marcador, dois minutos depois. 

Com o resultado, o Palmeiras lidera o Grupo C, com 21
pontos, enquanto o Santos é o terceiro colocado do Grupo D, com 13. O Peixe
enfrenta o São Bento, na próxima quarta-feira, às 19h30, no Walter Ribeiro. O Verdão
pega o Mirassol, na próxima quarta-feira, às 20h30, na arena alviverde.

LEIA MAIS:+ Torcida do Santos provoca Felipe Melo, que rebate com dança e ironia