Rio Vermelho sobe e população ribeirinha é socorrida pela Defesa Civil
VendaMais

Rio Vermelho sobe e população ribeirinha é socorrida pela Defesa Civil

SHARE
Foto: Matusalem Teixeira

Por Gabriel Fagundes

A Defesa Civil intensificou os trabalhos na manhã de hoje (27) devido ao aumento do nível do Rio Vermelho. Segundo a última medição o Rio estava com quatro metros e setenta centímetros (4,70), um pouco abaixo do nível de alerta que é de 5 metros e 30 centímetros.

O Rio está com quatro metros e setenta centímetros (4,70), um pouco abaixo do nível de alerta que é de 5 metros e 30 centímetros.
O Rio está com quatro metros e setenta centímetros (4,70), um pouco abaixo do nível de alerta que é de 5 metros e 30 centímetros.

De acordo com o coordenador da Defesa Civil, Erimar Bezerra, foi observado que o nível de água do rio está aumentando muito rápido. Num intervalo de 4 horas o Rio Vermelho subiu mais de um metro e meio devido às intensas chuvas que estão caindo principalmente na nascente do rio, na região de Poxoréu. “Nossa preocupação é com as famílias que moram às margens do Ribeirão Arareau e dos outros córregos da cidade. Quatro famílias com residências alagadas, mais precisamente na Rua H no Jardim Paulista, já estão sendo monitoradas e recebendo todo o suporte. Já percorremos outros pontos críticos de alagamento, como na Vila Rondon, Canaã, córrego do Patrimônio e também ocorreram alguns problemas de escoamento de água nos bairros Cascalinho, Jardim Santa Clara, Córrego do Canivete. Nosso estado é de alerta”, informa o Coordenador da Defesa Civil, Erimar Bezerra.

De acordo com o Secretário de Habitação, Roberto Carlos, as famílias que tiveram suas residências alagadas já estão sendo transferidas para os bairros mais próximos, como Padre Miguel, Magnólia 1 e 2 e Dona Fiúca.

O secretário informou que nessas áreas de riscos, já está acontecendo um trabalho de desocupação, demolição de casas e isolamento dessa zona de risco.

Defesa Civil socorre população Ribeirinha.
Defesa Civil socorre população Ribeirinha.

O coordenador da Defesa Civil pede que a população ribeirinha fique atenta, pois a tendência é de mais chuva e aumento do nível do rio.

Caso alguém necessite de ajuda deve ligar no número 9655-8484 para falar com a Defesa Civil, ou ligar no 193 e falar diretamente com o Corpo de Bombeiros.

NENHUM COMENTÁRIO

DEIXE SEU COMENTÁRIO