Repasse de mais de R$ 1,1 milhão desaparece na prestação de contas...
Supermoveis


Macropel

Repasse de mais de R$ 1,1 milhão desaparece na prestação de contas da Santa Casa

Fonte: THIAGO MATTAR
SHARE
Contas da Prefeitura não batem com as da Santa Casa. Foto: Arquivo/GComMT.

De acordo com a Prefeitura de Rondonópolis, de 1 de janeiro a 31 de dezembro de 2016, foram repassados R$ 1.572.730,97 em recursos próprios para a Santa Casa. Segundo o hospital, os recursos municipais repassados no mesmo período totalizam apenas R$ 423.166,22. Uma diferença de mais de R$ 1,1 milhão. Esta é apenas uma das discrepâncias encontradas entre as prestações de contas do executivo municipal e da Santa Casa.

Todo o dinheiro público aplicado no hospital é obtido por meio de repasses do Fundo Municipal de Saúde, que recebe aportes financeiros da União (Ministério da Saúde), do governo do estado e do município. É papel da Prefeitura administrar esse fundo e repassar todos os valores referentes aos serviços da Santa Casa.

Em prestação de contas enviada ao site Notícias de Mato Grosso, a Prefeitura afirma ter repassado, somando as três fontes de recursos (municipal, estadual e federal), R$ 33,4 milhões para a Santa Casa de Misericórdia no período de primeiro de janeiro a 31 dezembro de 2016. No mesmo período, os números da Santa Casa aparecem superiores ao cálculo municipal, totalizando R$ 35,6 milhões. Mais de R$ 2 milhões em relação ao valor apresentado pela Prefeitura.

Após a divulgação de uma denúncia anônima apresentada ao governador Pedro Taques (PSDB), ao MPF e MPE – que acusa a atual gestão da Santa Casa de irregularidades e sugere uma auditoria nas contas do hospital –, a assessoria de imprensa da Santa Casa emitiu nota repudiando as acusações e afirmando que a instituição é “constantemente fiscalizada pelos auditores do SUS, bem como todas as contas são prestadas anualmente ao Ministério Público Estadual, e até agora aprovadas”.

Mais discrepâncias
De acordo com os números apresentados pela Prefeitura, de 1 de janeiro a 31 de dezembro de 2016, o executivo municipal afirma ter realizado o repasse de R$ 13,8 milhões em recursos do estado para a Santa Casa. O hospital alega que foram R$ 14,1 milhões em recursos estaduais. Em recursos federais, a Prefeitura fala em R$ 17,9 milhões repassados e a Santa Casa afirma que foram R$ 21,1 milhões.

Transparência
Ao site Notícias de Mato Grosso, a assessoria da Santa Casa enviou os valores referentes aos repasses de 2016 em uma planilha digital. A assessoria de imprensa da Prefeitura de Rondonópolis enviou apenas um e-mail com os valores e disse que para obter mais detalhes sobre os repasses seria necessário fazer um requerimento por escrito.

No Portal da Transparência da Santa Casa, atualizado pela última vez em 22 de novembro, o último relatório publicado diz respeito a custos e recebimentos do mês de julho de 2017.

Montreal