Relatório aponta Carlos Bezerra como o mais ausente na Câmara
Supermoveis

Fullbanner2


Relatório aponta Carlos Bezerra como o mais ausente na Câmara

Deputado alega tratamentos de saúde em São Paulo, que o fizeram ter de estar ausente

1
Fonte:
SHARE

O deputado federal Carlos Bezerra (PMDB) foi o representante de Mato Grosso mais faltoso na Câmara Federal, em 2015. De cada quatro sessões, ele falta a uma.

De acordo com relatório divulgado pelo portal Congresso em Foco, o parlamentar mato-grossense faltou a 33 (26%) das 125 sessões realizadas no ano passado. Do total, 28 ausências foram justificadas e cinco não tiveram justificativa.

No ranking dos mais faltosos, Bezerra ocupa a 19ª posição. De acordo com o congressista, questões relacionadas a tratamento de saúde motivaram as ausências nas sessões parlamentares.

O peemedebista afirma ter se ausentado para tratamento médico em São Paulo, contra a diabetes e pressão alta.“No ano passado, fiz dois tratamentos no Hospital Sirio-Libanês, em São Paulo, contra a diabetes e a pressão alta. As faltas sempre foram por motivo de saúde”, declarou.

Bezerra ainda disse que as faltas não prejudicaram seu trabalho parlamentar. “O que interessa é a produção do parlamentar. Você pega a minha produção, é a maior do que todos os outros. Pega meus pareceres, projetos, emendas à Constituição, que você verá a minha atuação”, completou.

De acordo com relatório divulgado em sua página, no portal online da Câmara dos Deputados, em 2015, o peemedebista apresentou 99 projetos de lei e outras proposições.

Dados nacionais

Segundo o site Congresso em Foco, todos os 503 deputados acumularam 6.113 ausências, entre fevereiro e dezembro de 2015.

Até o fim de janeiro deste ano, 1.432 dessas faltas ainda não haviam sido justificadas. As demais foram abonadas quase em sua totalidade por atestados assinados por médicos ou dentistas.

Nesses casos, os parlamentares escaparam de desconto no salário e da ameaça de perda de mandato: pela Constituição, está sujeito a ser cassado o congressista que deixar de comparecer sem justificativa a mais de um terço das sessões reservadas a votação.

Entre os deputados mato-grossenses, o mais assíduo é parlamentar da bancada evangélica Victorio Galli (PSC), que esteve presente em todas as sessões plenárias.

 Da Redação com Congresso em Foco

Montreal