Rapaz é detido com R$ 44 mil, suspeito de ser o autor...
Fullbanner1



Rapaz é detido com R$ 44 mil, suspeito de ser o autor de tentativa de latrocínio no Sindicato

Suspeito confessou o crime e deixou um recado para as vítimas não reagirem durante assaltos.

Fonte: Redação
SHARE
Foto: DERF

A Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (DERF), esclarece tentativa de Latrocínio ocorrido no Sindicato dos transportes na sexta-feira (17), indiciando Fabricio Dorcelino Ramos Pinheiro de 19 anos, como o autor da tentativa de latrocínio contra o presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Transporte Terrestre de Rondonópolis e Região, que foi baleado no último dia 17 de março.

Fabrício foi preso durante uma abordagem da Polícia Rodoviária Federal (PRF), na BR-163, no município de Itiquira (MT), com cerca de R$ 44 mil em dinheiro, roubados de um supermercado da cidade, crime ocorrido no último domingo (19), no Bairro Bom Pastor.

Imagens do sistema de segurança do Sindicato mostram o momento em que Fabrício chega ao local com seu comparsa, ambos armados. De acordo com o acusado, eles receberam a informação que na sede do Sindicato havia uma quantia de R$ 300 mil reais.

Imagem do sistema de segurança do sindicato. Fonte: Polícia Judiciária Civil - PJC
Imagem do sistema de segurança do sindicato. Foto: Polícia Judiciária Civil – PJC

O presidente do Sindicato ao reagir, foi baleado na perna. Logo em seguida os suspeitos fugiram e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionado.

Na sede da DERF, Fabrício alertou quanto ao risco de reação da vítima, pois nem todo criminoso tem “sangue frio” o que muitas vezes acaba em tragédia. Ele também é envolvido na morte do sargento Aelson ocorrido no dia 15 de dezembro de 2014, quando ainda era menor de idade.

As armas usadas pelos suspeitos também foram apreendidas. O trabalho de investigação deve continuar na tentativa de prender o comparsa de Fabrício.