Proposta pedagógica dos Jogos Escolares é apresentada em Cáceres
Fullbanner1



Proposta pedagógica dos Jogos Escolares é apresentada em Cáceres

Fonte: NOTÍCIAS DE MATO GROSSO com Assessoria
SHARE

A equipe técnica da Secretaria de Estado de Educação, Esporte e Lazer (Seduc-MT) apresentou, nesta sexta-feira (24.03), a proposta pedagógica dos Jogos Escolares da Juventude de Mato Grosso aos coordenadores de 18 escolas do município de Cáceres (a 234 quilômetros de Cuiabá). A cidade sedia uma das etapas regionais do evento no dia 25 de abril.   

A proposta foi apresentada pelo coordenador de Esporte Escolar da Seduc, Manoel Fonseca, que falou sobre a importância de utilizar os jogos como ferramenta de aprendizagem.

Conforme o Fonseca foi pensada uma série de ações para ocupar os alunos durante a semana dos jogos. Essas atividades contariam como hora-aula e não prejudicariam o calendário letivo das escolas.

Para exemplificar a proposta pedagógica, o professor disse que os alunos podem promover feiras científicas e culturais durante a realização dos jogos e no refeitório do evento, onde estarão concentrados todos os estudantes-atletas. “Dessa forma todos os alunos estariam envolvidos nos jogos e não apenas aqueles que competem nas quadras”, destacou.

As propostas foram apresentadas no Centro de Formação e Atualização dos Profissionais da Educação (Cefapro) de Cáceres – um importante pólo de capacitação da região Oeste de Mato Grosso.

Para a diretora do Cefapro de Cáceres, Luciane Miranda, a palestra sobre os jogos escolares foi de fundamental importância para que os coordenadores compreendam a dimensão pedagógica do evento.

Após a palestra do professor Manoel, Miranda disse aos coordenadores que já participou dos jogos e que sabe o quanto que ele é importante para a formação dos estudantes. Nesse sentido ela pediu mais sensibilidade aos coordenadores quanto a relevância do evento no processo de aprendizagem aos alunos.

Cefapro

O Cefapro de Cáceres é responsável pela capacitação continuada dos profissionais da educação durante o ano inteiro.

Além de professores, o órgão capacita técnicos administrativos (que atua nas secretarias das escolas); e os técnicos de apoio (que atuam nas áreas de manutenção, infraestrutura e vigilância das escolas).

Só no ano passado, o Cefapro de Cáceres capacitou cerca de dois mil professores de 12 municípios da região Oeste, entre eles Glória D’Oeste, Porto Esperidião e Reserva do Cabaçal. O trabalho do órgão beneficia professores que atendem 25 mil estudantes da região.

Segundo a diretora Miranda o objetivo do Cefapro é atender as necessidades formativas dos professores com o foco na melhoria da aprendizagem dos alunos.