Projeto para desenvolver forrageiras adaptadas à seca é lançado em Carlos Chagas...
Fullbanner1

Fullbanner2


Projeto para desenvolver forrageiras adaptadas à seca é lançado em Carlos Chagas (MG)

Fonte:
SHARE

Governador Valadares / Minas Gerais (07/08/2017) –  A Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) e a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) assinaram em julho o acordo de cooperação técnica para a execução do projeto “Forrageiras para o Semiárido – Pecuária Sustentável”.  A iniciativa busca pesquisar e desenvolver espécies de forrageiras, leguminosas e palmas e outras variedades adaptadas à seca do Semiárido brasileiro para garantir a alimentação dos rebanhos e a competitividade da pecuária regional.

O programa terá 12 Unidades de Referência Tecnológica (URTs) em 12 municípios do Nordeste e Norte de Minas Gerais: Baixa Grande e Ipirá (BA); Poço Verde (SE); Batalha (AL); São João (PE); Tenório (PB); Lajes (RN); Ibaretama (CE); São Raimundo Nonato (PI); Fortuna (MA); Montes Claros e Carlos Chagas (MG).

Em Carlos Chagas, no Vale do Mucuri, o projeto foi lançado durante a Feira Agropecuária realizada entre os dias 22 e 30 de julho. Na ocasião, estiveram presentes diversos prefeitos e presidentes de sindicatos rurais da região.

Afonso Luiz Bretas, presidente do Sindicato dos Produtores Rurais de Governador Valadares e vice-presidente da FAEMG, esteve no evento de lançamento representando o presidente do Sistema FAEMG, Roberto Simões.

“O evento foi muito bom e mostrou a conscientização dos produtores rurais daquela região que estão em busca de soluções e alternativas para os problemas climáticos que nós temos tido há alguns anos. Esse projeto vai dar uma oportunidade de recursos de emergência. É louvável essa parceria da Embrapa com a CNA”, declarou Bretas.

O ex-ministro da agricultura e produtor rural, Alysson Paolinelli, também participou do lançamento do projeto em Carlos Chagas e ministrou uma palestra. “A geração e a transferência de tecnologia são base de um desenvolvimento integrado e sustentável no setor rural brasileiro. Se a capacidade de gerar tecnologias e inovações para o campo tropical do país constituiu-se em um grande feito, a redução ou a ausência da extensão rural foi, especialmente nestes últimos anos, uma omissão que prejudicou principalmente os pequenos e médios produtores”, afirmou.

Também estiveram presentes o pesquisador da Embrapa, Cléber Oliveira Soares, e o gerente regional do SENAR Minas em Governador Valadares, Ulisses Silveira Costa. O presidente do Sindicato dos Produtores Rurais de Carlos Chagas, Willer Martins da Silveira, organizador do evento, comentou sobre o lançamento do projeto. “A longa estiagem promoveu muitas perdas e prejuízos no campo e o Sindicato, como entidade de classe, está lutando ao lado dos produtores rurais com vistas a minimizar as dificuldades que existem no campo”, disse.

Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Minas Gerais – FAEMG
Texto: Diego Souzahttp://www.sistemafaemg.org.br

 

SAIBA MAIS SOBRE O PROJETO FORRAGEIRAS PARA O SEMIÁRIDO

Montreal