Projeto do vereador Roni Cardoso é elogiado por coordenador do Samu


Projeto do vereador Roni Cardoso é elogiado por coordenador do Samu

1
Fonte: Assessoria
COMPARTILHE

O projeto de lei do vereador Roni Cardoso (PRTB) recebeu elogios do coordenador do Samu, Heusnam Lima Freitas que pretende estabelecer multa para proprietários de linhas telefônicas que realizarem trotes direcionados à central do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), Corpo de Bombeiros, Polícia Militar e Civil.

O coordenador acredita que tal determinação diminuiria a quantidade de trotes que causa prejuízos financeiros e de atendimento, pois nos primeiros quatro meses do ano o Samu recebeu 22 mil ligações deste tipo no Estado.
Não são somente crianças que fazem brincadeiras de maldosas, homens e mulheres também perdem tempo para esta prática conforme os números e estatísticas do Samu que registra todas as ligações realizadas ao Serviço.

Heusnam exemplifica a cidade de Botucatu e o Estado de Minas Gerais que passavam pelo mesmo problema, mas depois de lei implantada, tiveram queda na realização dos trotes. Ele pede a todos os vereadores que abracem a causa e lembra que o Código Penal Brasileiro prevê punições para este tipo de situação, no artigo 266 onde cita que quem interromper ou perturbar serviço telegráfico, radiotelegráfico ou telefônico, impedir ou dificultar-lhe o restabelecimento do serviço, está sujeito à pena de detenção de um a três anos, e multa.

“Apoio o projeto de lei do vereador e até mesmo a publicidade que gera uma proposta como esta, o que já inibe as pessoas de continuarem com esta prática que só causa transtornos à uma equipe que é voltada para salvar vidas”, destaca o coordenador.