Programa “Justiça pela Paz em casa” é apresentado na Câmara de Vereadores
Supermoveis



Programa “Justiça pela Paz em casa” é apresentado na Câmara de Vereadores

Fonte:
SHARE

Representantes do Poder Judiciário de Rondonópolis estiveram presentes na sessão desta quarta-feira (15) da Câmara de Vereadores para apresentar o programa Justiça pela Paz em Casa, que tem como foco principal dar visibilidade a questão da violência contra a mulher.

Estiveram presentes representando o Judiciário, as juízas Maria Mazarelo Farias Pinto e Glenda Borges, além do promotor Augusto Cézar Fuzarro e o defensor público Fábio Barbosa, que têm acompanhado a situação da violência doméstica no município.

A magistrada destacou que o problema é grave, e citou como exemplo um caso de feminicídio, onde um homem matou a mulher a machadadas em uma rede na frente de uma criança de cinco anos. “Pergunto como que fica a cabeça dessa criança”, disse a juíza.

Ela ainda lembrou que há 16 homens presos em Rondonópolis, envolvendo casos de violência doméstica.  A juíza cita também o estupro de vulnerável como outro problema grave. “Na maioria das vezes o autor do crime é pai ou padrasto da vítima, isso mostra uma realidade dura que estamos enfrentando”, resumiu .

O presidente do legislativo, Rodrigo da Zaeli (PSDB), afirmou que a Câmara de Vereadores é parceira da Justiça neste projeto e vai garantir todo apoio que se fizer necessário.

O vereador Jailton Dantas, o Jailton do Pesque Pague, também demonstrou preocupação com a situação. “Não podemos fechar os nossos olhos, a sociedade tem que estar atenta”, encerrou.