Primeira sessão ordinária marca o trabalho do Poder Legislativo em 2018
Supermoveis



Primeira sessão ordinária marca o trabalho do Poder Legislativo em 2018

Fonte:
SHARE
Foto: Internet.

A Câmara Municipal de Primavera do Leste retornou aos trabalhos nesta segunda-feira (5) após o fim do recesso parlamentar. O presidente da casa, vereador Miley Alves (PV) comandou os trabalhos da sessão que teve início no horário regimental das 18h. Foi realizada a leitura de 40 indicações, oriundas do Poder Legislativo e realizado a votação e discussão do projeto de autoria do vereador Luis Pereira Costa (PR), que trata da Moção de Aplausos para a delegada da especializada em roubos e furtos, Anamaria Machado Costa. A matéria foi aprovada por unanimidade.

O presidente Miley Alves demonstrou otimismo para ações de 2018. Ele acredita que Primavera do Leste terá grandes realizações e o foco é trazer a comunidade para mais perto do Legislativo. “Vamos disponibilizar o WI-FI grátis e realizaremos uma feira gastronômica, mensalmente, com apresentações culturais. Nosso objetivo é ter a sociedade caminhando conosco e estar mais próxima de nossas ações e trabalho”, salientou. Ele ainda reiterou a importância do Programa Câmara Sustentável, que visa criar política de responsabilidade socioambiental dentro dos princípios de economicidade e uso consciente de tudo que é utilizado na rotina diária.  “Estamos contribuindo efetivamente para a sustentabilidade do planeta e essa iniciativa já chama atenção de outras Câmaras Municipais do Estado, que nos procurou para passar informações sobre o projeto. Tenho certeza que conseguiremos disseminar em nossas casas e na sociedade a mensagem de pensar no futuro”.

Durante a sessão um tema bastante comentado foi a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) contra águas de Primavera do Leste. Foi solicitada à empresa, pela presidência, uma cópia do Contrato da Concessão para que seja avaliado e estudado. O vereador Josafá Martins (PP) reiterou que a CPI tem ganhado fortalecimento. Diversas informações foram colhidas com a sociedade, em relação à rede de esgoto, valor da conta de água e a lagoa de tratamento, que transpõe para o Lago Municipal. “Com respeito a nossa sociedade que tem sofrido com os transtornos causados pela concessionária, a Câmara Municipal fará o seu trabalho de buscar informações e resolver esse problema enfrentado pela sociedade”. O vereador Elton Baraldi (PMDB) também levantou o assunto  e afirmou “que não estamos omissos aos problemas da sociedade com a Águas de Primavera, inclusive, também sofri com os serviços prestados pela concessionária em nosso município. A CPI tem que ser instaurada e tem meu apoio. Precisamos de uma resposta da empresa sobre esses transtornos”.

Defendo essa mesma ideia, o vereador Luis Costa (PR), que acompanhou todo o sofrimento das famílias do Gutierrez que receberam contas de águas no valor de R$ 800. “Isso é absurdo. Tenho certeza que a CPI vai passar isso a limpo e fazer justiça com essas famílias, que estão pagando o que não é dever delas”, disse.  O vereador, também salientou que aguarda a decisão  do Ministério Público  sobre as medidas contra a concessionária Morro da Mesa. “É uma vergonha a forma que foi concedida. Somos nós que estamos arcando com o valor dessa corrupção. Eles cobram um dos pedágios mais caro do nosso país. Vou continuar lutando para que se faça justiça e haja punição para corrupção”.

Outro assunto que entrou em pauta foi a regularização fundiária. A vereadora Carmen Betti (PSC) afirmou que esse será um dos focos de seu trabalho, neste ano.  Sabemos que existe cerca de nove bairros que precisa dessa regularização fundiária e sei que é o sonho de muitas famílias. “Então, firmo um compromisso com os primaverenses e trabalharei em parceria com Executivo para que possamos solucionar esse problema”. A vereadora Edna Mahnic (PT) falou indignada sobre um debate de nível nacional, “a Reforma da Presidência, que pode ser votada ainda esse mês é fruto de uma luta por melhores condições sociais e de vida. Não podemos nos ausentar dessa discussão de extrema importância para nossa sociedade”.

Já a vereadora Iva Maria Viana (PDT) ressaltou que acompanhou de perto a situação de várias unidades de saúde e creches. Ela agradeceu ao prefeito Léo Bortolin por ter adotado junto a secretária de educação, a utilização de senhas, para que os pais de alunos não ficassem dias dormindo nas filas para matricular os filhos na escola. Em relação a situação das ESF´s, a vereadora pediu “que seja feita a contratação de mais médico para o do bairro Primavera III, assim como mais especialistas para atender as gestantes”.  O vereador Juarez Faria Barbosa (PDT) que também acompanhou as visitas nesses locais, reiterou o pedido da vereadora ao prefeito e ainda agradeceu aos trabalhos realizados pela secretária de Obras no Jardim Progresso. “Conversei com alguns moradores da localidade e eles me disseram que nunca foi feito um trabalho com tanta qualidade, mas ainda existem mais vias para a realização da recuperação asfáltica, bem como obras de drenagem pluvial”.

O vice-presidente, o vereador Paulo Márcio Castro e Silva (DEM), defendeu a busca para receber repasses do governo. “Visitei algumas estradas rurais e existem áreas que não possuem trafegabilidade. Nosso transporte escolar percorre cerca de sete mil quilômetros e quase metade desse trajeto é feito dentro de outros municípios e somos nós que arcamos com as despesas da manutenção dessas estradas”. O vereador Paulo Donin (PSB) também afirmou que se empenhará para conquistar esse repasse. “Os municípios não conseguem arcar com os gastos de manutenção. Então, temos o direito de receber esse repasse do governo”.

         A realização do carnaval também foi assunto em tribuna. O vereador e líder do prefeito, Manoel Mazzutti (PMDB), elogiou o prefeito Léo Bortolin  pela viabilização da “maior festa popular, que é o carnaval. Ele conseguiu 20 patrocínios de empresas que possibilitaram a realização do evento. Esse é um momento de lazer, importante para a comunidade e como Primavera é o único município da região a fazer esse evento, tenho certeza que o fomento na economia será grande”. O vereador Neri Gaiteiro (PDT) também elogiou a festa: “a nossa população precisa de momentos como esse, cultural”. Ele ainda defendeu que fosse feito o asfalto para ligar os bairros Tuiuiú e Gutierrez, por que o dinheiro devolvido pela Câmara, R$ 900 mil já está reservado para essa obra.

O vereador Carlinhos Instrutor defendeu as suas indicações e frisou o discurso na reformulação do trânsito. “Temos buscado referência na construção de um trânsito melhor e mais seguro para nossa cidade. Tivemos o prazer de receber dois profissionais de Maringá que fizeram um estudo para que seja implantada a mobilidade urbana em nosso município. O processo licitatório deverá entrar em andamento para melhorar a acessibilidade”.

         O vereador Kinha Juriti (PV)  levantou o tema do Conselho Tutelar. Ele é o autor da indicação que tem como objetivo melhorar a qualidade de trabalho dos conselheiros. “Precisamos valorizar nossos funcionários e precisamos buscar a construção de um prédio próprio para o Conselho e melhorar a situação salarial, que é uma vergonha”. O vereador Carlos Araújo agradeceu o trabalho da Secretária de Obras nas estradas do interior.  “é um momento de escoamento da safra, precisamos dar uma devida atenção a essas estradas”.

Próxima Sessão

Por conta do período festivo de carnaval, a sessão ordinária que seria realizada na próxima segunda-feira (12) ocorrerá nesta sexta-feira (9).