Primavera do Leste: Pastoral da AIDS realiza ações de combate e prevenção
Adventista

Fullbanner1


Primavera do Leste: Pastoral da AIDS realiza ações de combate e prevenção

Fonte: Assessoria.
SHARE
A campanha ocorrerá durante o mês de dezembro, nas unidades de saúde

A Pastoral da AIDS, ligada à Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), aproveitando o Dia Mundial de Luta Contra a Aids (1º de dezembro), realiza campanha como estratégia para a prevenção da epidemia e o autocuidado às pessoas que já vivem com HIV/Aids, gerando bem-estar e vida com qualidade.

Esta campanha se inscreve na estratégia proposta pela Unaids, de “testar e tratar”, tendo em vista a eliminação da epidemia da aids até o ano de 2030, ou seja, a campanha pretende colaborar no alcance da meta 90-90-90. A meta Unaids pretende diagnosticar 90% das pessoas com HIV; vincular ao tratamento 90% das pessoas diagnosticadas e incentivar que 90% das pessoas em tratamento alcancem carga viral indetectável, através da adesão à medicação.

O tratamento, quando seguido e mantido de forma adequada, leva à redução da carga viral, ou seja, à redução da quantidade de vírus circulante no organismo, impedindo que o HIV seja transmitido a outras pessoas. Além disso, promove grandes benefícios para o indivíduo que vive com o vírus: evita o colapso do sistema imunológico, previne doenças oportunistas e mantém o organismo saudável, impedindo o desenvolvimento da Aids, dando plenas condições para uma vida normal.

A campanha foca três grandes objetivos. O primeiro é lembrar a população brasileira que Aids não tem cara, por isso é tão importante o diagnóstico precoce: quanto antes souber, maior a possibilidade de preservação do estado de saúde. O segundo é destacar que não existe mais o “coquetel da aids” como era na década 90, hoje o tratamento é mais simples: menos comprimidos e doses, mais eficiência e praticidade. O terceiro é ressaltar que a Aids não tem mais “cara de morte”, pois é possível ter saúde e vida plena, mesmo vivendo com o vírus HIV.

Em Primavera do Leste as ações serão realizadas durante todo o mês de dezembro, pela Pastoral da AIDS em parceria com a Secretaria de Saúde e por meio da atenção básica nos postos de saúde. Também participam o Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA), além do Hospital São Lucas e o Laboratório de Análises Clínicas Biolab.

“O projeto Dezembro Vermelho nos possibilita trabalhar um mês com ações de combate e conscientização das Doenças Sexualmente Transmissíveis (DSTs), para que seja conhecida em nossa cidade. A Pastoral da AIDS foi idealizada para responder aos desafios pastorais da epidemia da AIDS, que realiza um trabalho de prevenção, acolhimento e acompanhamento de pessoas que convivem com o HIV e também incentivando a testagem. E nós acreditamos que com essa missão vamos ao encontro das palavras de Jesus Cristo que diz: ‘eu vim para que todos tenham vida’”, ressalta a irmã Lourdes Bonatto.

A Coordenadora Regional da Pastoral da AIDS em Mato Grosso, Maviane Damitz, enfatiza que o diagnóstico precoce permite a qualidade de vida das pessoas. “A AIDS tem tratamento e com o apoio da equipe de saúde multidisciplinar do CTA, o paciente tem um tratamento humanizado. Sempre digo que quem ama cuida e se cuida, pois a AIDS é uma das mais sérias crises de saúde de nosso tempo. Sabemos que ela traz consigonão apenas questões de saúde, mas também vulnerabilidade econômica, social, moral e espiritual de grande relevância”.

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) é parceira do dezembro Vermelho e oferece à população testes rápidos de diagnóstico de HIV e triagem para sífilis e hepatites B e C, por meio das Unidades Básicas de Saúde. Durante o mês de dezembro, a SMS, com o Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA) e Atenção Básica somam forças à Pastoral da AIDS na luta contra o HIV, organizando uma campanha municipal de sensibilização para o tema.

“Esta parceria tem sido muito importante para fazer com que a campanha mobilize o maior número de pessoas possível. Estaremos com um cronograma especial para oferta de testagem rápida nas unidades básicas de saúde. Sendo assim, a população deve procurar a unidade básica mais próxima do seu bairro para obter informações sobre o dia do exame. O exame é simples e sigiloso. O objetivo da Atenção Básica é permitir a acessibilidade ao usuário”, esclarece a enfermeira e coordenadora da Atenção Básica, Edezia Guirra.

Para o secretário municipal de saúde, Advanilson Sampaio, a parceria com a secretaria e a Pastoral da AIDS vem de encontro com os objetivos da gestão, que é levar mais acesso à saúde de nossa população. “Vamos intensificar os serviços de prevenção ao HIV, Sífilis, Hepatites B e C, a assistência aos soropositivos, e sem preconceitos, acolher, acompanhar e defender os direitos daqueles que foram infectados”.

 

Programação

 

*30 de novembro: Abertura das atividades da Campanha “Dezembro Vermelho” a partir das 14h, no Lago Municipal, com panfletagem e teste rápido para HIV, Sífilis e Hepatites B e C;

*04 de dezembro: Teste rápido para HIV, Sífilis e Hepatites B e C, no ESF 3, no período vespertino;

*05 de dezembro: Teste rápido para HIV, Sífilis e Hepatites B e C, no ESF 2, no período matutino e no ESF 9 no período vespertino;

*07 de dezembro: Teste rápido para HIV, Sífilis e Hepatites B e C, no ESF 1, no período matutino;

*07 de dezembro: Caminhada de sensibilização. Saída do Hospital São Lucas a partir das 14h com chegada a praça central, próximo a paróquia São Cristovão;

*08 de dezembro: Sensibilização e panfletagem na Feira Municipal a partir das 8h;

*09 de dezembro: Sensibilização e panfletagem na Feria Municipal do Bairro Primavera III, a partir das 8h;

*10 de dezembro: Teste rápido para HIV, Sífilis e Hepatites B e C, no ESF 5, no período matutino e no ESF 8 no período vespertino;

*10 de dezembro: Caminhada de sensibilização na Avenida Belo Horizonte, a partir das 18h;

*11 de dezembro: Teste rápido para HIV, Sífilis e Hepatites B e C, no ESF 11, no período vespertino;

*12 de dezembro: Teste rápido para HIV, Sífilis e Hepatites B e C, no ESF 6, no período matutino e na UBS T, no período da vespertino;

*12 de dezembro: Teste rápido para HIV, Sífilis e Hepatites B e C, nas casas noturnas da cidade a partir das 19h;

*13 de dezembro: Teste rápido para HIV, Sífilis e Hepatites B e C, na UBS CR no período vespertino;

*14 de dezembro: Blitz educativa e com panfletagens na Avenida Porto Alegre, na rotatória do Centro Educacional Primavera, a partir das 8h;

*15 de dezembro: Evento Jesus no Pantanal. Teste rápido para HIV, Sífilis e Hepatites B e C, no Bairro Tuiuiú a partir das 15h, no salão da comunidade, que fica na Rua da Ema.

*18 de dezembro: Teste rápido para HIV, Sífilis e Hepatites B e C, no ESF 7 no período matutino e ESF 10 no período vespertino;

*19 de dezembro: Teste rápido para HIV, Sífilis e Hepatites B e C, no ESF 4 no período matutino.

Ressaltando que ainda a uma agenda para presença de ações nas Paróquias; São Cristóvão, Nossa Senhora da Salete, São Francisco e na Nossa Senhora Aparecida.