PRF encerra Operação Nossa Senhora Aparecida com o registro de cinco óbitos...
Fullbanner1



PRF encerra Operação Nossa Senhora Aparecida com o registro de cinco óbitos nas rodovias federais do MT

Fonte: Assessoria.
SHARE
Foto: PRF.

Nesse feriadão também dedicado às crianças, duas vieram óbito após colisão na BR-070; os agentes autuaram 13 condutores que transportavam os pequenos sem a ‘cadeirinha’

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) encerrou, às 23h59 deste domingo (14), a Operação Nossa Senhora Aparecida realizada nas cinco rodovias federais que cortam o Mato Grosso. Iniciada na última quinta (11), as ações buscaram combater a embriaguez ao volante e coibir as ultrapassagens indevidas e o excesso de velocidade, além de fiscalizar o transporte da criançada que pegou a estrada para curtir o feriadão também dedicado a elas.

A fiscalização foi intensificada nos pontos de maior incidência de acidentes e infrações de trânsito. O excesso de velocidade, uma das principais causas de acidentes graves em todo o Brasil, foi a infração mais constatada nas rodovias do Estado durante a operação. Os radares móveis capturaram imagens de 922 veículos circulando com velocidade acima da permitida na via. Na região de Rondonópolis, os PRFs flagraram automóvel a 163 Km/h, onde a máxima deveria ser 110 Km/h.

Nos quatro dias de Operação, 1447 veículos foram fiscalizados e 795 autos de infração foram lavrados por diversas condutas previstas no CTB. Foram realizados 1,168 testes de alcoolemia e nove pessoas foram detidas por embriaguez ao volante. Com concentração de álcool de 1.08 mg/l, quantidade três vezes superior ao considerado crime (0,34 mg/l), um homem foi preso na BR-070, em Várzea Grande, na sexta (12). Na noite desde domingo (14), na BR-364, em Cuiabá, um outro condutor foi encaminhado para a Polícia Civil após o teste do etilômetro indicar 0.64 mg/l de álcool.

Além dessas infrações, foram constatadas condutas como: motoristas (16) e passageiros (32) sem cinto de segurança, crianças sem o uso da cadeirinha (13), condutores realizando ultrapassagens indevidas (85) e fazendo uso do celular (01). No combate à criminalidade, 15 pessoas foram detidas pelos PRFs. Na tarde de quinta (11), na BR-364, em Cuiabá, um homem foi preso transportando 1Kg de cocaína no veículo. Em fiscalização de crimes ambientais, cerca de 30m³ de madeira foram apreendidos na BR-163, em Nova Santa Helena.

Acidentes – Em todo o Estado, a PRF registrou 28 acidentes, com 34 feridos e 05 óbitos. O último acidente grave foi registrado no final da tarde deste domingo (14), no km 540 da BR-070, em Nossa Senhora do Livramento. A colisão transversal envolvendo um caminhão Iveco, com placas de Goiás, e um automóvel Classic, com placas de Cuiabá, vitimou um garoto de 12 anos e uma menina de 9 anos. O motorista do veículo de carga saiu ileso e os outros ocupantes do carro apresentaram lesões, dois deles graves. As crianças usavam o cinto de segurança, mas vieram a óbito no local. A condutora do Classic, de 39 anos, foi submetida ao teste do etilômetro que constatou embriaguez, apresentando uma concentração de álcool de 0,56 mg/l, o que é considerado crime pelo CTB.

Na quinta (11), uma colisão envolvendo duas motocicletas, no km 404 da BR-364, em Cuiabá, vitimou um homem de 34 anos e deixou outro ferido. Um outro óbito foi registrado na manhã de sexta (12), no km 515 da BR-070, em Várzea Grande, onde um veículo Ranger colidiu com uma motocicleta vitimando o condutor. Na Serra de São Vicente, km 349 da BR-364, o motorista de um caminhão veio a óbito após tombar o veículo e ficar preso ás ferragens.