Preso logo após cometer o roubo, suspeito é reconhecido e confessa o...
Fullbanner1

Fullbanner2


Preso logo após cometer o roubo, suspeito é reconhecido e confessa o crime

Fonte:
SHARE
Ilustração

Por: Ailton Lima

Fernando Castelli Silva, 27 anos de idade, foi preso na noite desta terça-feira (9), por volta das 21h30, logo após ter cometido um assalto a pessoa, na rua Milton Rodrigues Oliveira no Jardim Novo Horizonte.

Segundo relatos da vítima à Polícia Militar,, a administradora Monica Rezende Maia, de 31 anos, ela estava em frente à casa de sua irmã Mariana, colocando a sua filha no ‘bebê confort’ do carro, quando foi surpreendida por um indivíduo desconhecido que chegou e anunciou o assalto exigindo que ela ficasse quieta, entregasse a bolsa e o aparelho celular e não olhasse para trás.

De posse da bolsa e do telefone o suspeito saiu andando apressadamente e fugiu tomando rumo ignorado. Ainda assustada com a situação a vítima chamou a irmã e acionou a PM, comunicando o roubo.

Nesse momento, ela for informada que a PM havia parado dois suspeitos, um deles com as mesmas características do individuo que havia praticado o assalto contra ela.

Monica Rezende se dirigiu até a delegacia e reconheceu sem sombra de dúvida a pessoa de Fernando Castelli, como sendo a pessoa que lhe assaltara.

No momento da abordagem policial, os policiais encontraram na mochila do carona da moto, Paulo Henrique de Souza Silva, de 22 anos, uma faca.

O celular da vítima estava com Fernando, que quis assumir a bronca sozinho afirmando que apenas ele participou do assalto.

No entanto, os dois suspeitos levaram a polícia até o local onde abandonaram a bolsa da vítima que, por sorte, teve seus pertences, documentos e bens pessoais recuperados.

Na delegacia o delegado plantonista não engoliu a história apresentada e autuou os dois suspeitos em flagrante delito pelo crime de roubo majorado, e os encaminhou à Cadeia Pública.

 

Montreal