PRESIDENTE DO MÉXICO: NOVO LULA? Dr. Francisco Mello
Fullbanner1



PRESIDENTE DO MÉXICO: NOVO LULA? Dr. Francisco Mello

Fonte:
SHARE

Muitos comparam o novo Presidente do México a Lula e também ao Chávez, vai que cole e o México se torne uma Venezuela ou López Obrador seja promovido a presidiário, (bingo).

O eleitor mexicano é igual mulher de malandro, gosta de apanhar. Elegeram para Presidente o esquerdista López Obrador, esquecendo que desde 1910 os Presidentes populistas prometem um oásis na campanha e entregam um deserto depois de eleitos. Foi assim com Francisco Madero, o qual prometeu reforma agrária ao povo e aos revolucionários: Zapata, e Pancho Villa, e não a fez, levando o país a grandes confusões.

O atual Presidente Pena Nieto, de Direita, está desgastado, mas o histórico dos governantes Liberais aconselharia a eleição no mínimo de um Homem de Centro.

Os traficantes estão em confronto no México, a violência é avassaladora e exige urgentes intervenções do governo; a economia precisa de ajustes no setor cambial e o crescimento tem que ser acelerado.

Para quem se elegeu com 53% dos votos, Lopez tem que rebolar até porque, prometeu combater os corruptos de todo gênero mesmo que tenham sido parceiros. Diz que “primeiro os pobres para o bem de todos” já ouvi isso e contraí uma otite.

A despeito de prometer grandes mudanças, afirma que manterá as liberdades: religiosa, de expressão, e empresarial. Promete purificar a vida pública do País; garante revisar as privatizações da área petrolífera, combater privilégios e melhorar a vida dos trabalhadores.

Ainda bem que não garantiu reforma agrária; de qualquer modo, basta o primeiro item para derrubar um presidente.

López Obrador é meio messiânico. Criticou os políticos tradicionais e acenou com austeridade, moralidade, e responsabilidade com a coisa pública. O povão gostou. Vamos vê no que dá. Lembrando que se ele engrossar com os Narcos, melhor seria fazer um tour pelas cavernas da Tailândia, afinal só na campanha deste ano morreram mais de 120 políticos.

Querem saber o que eu acho? Carta branca para o combate a corrupção, a diminuição da pobreza etc, mas, se ele enfrentar o Trump e tentar colocar na lixeira o Liberalismo, que há século está enraizado no México, cairá, porque dinheiro não aceita desaforo. É como penso.

Dr. Francisco Mello dos Santos. Advogado Criminalista. OAB-MT 9550. Especialista em Direito Penal e Processual Penal. drfranciscomello@terra.com.br (669)96892292.