Por ritmo de jogo, Palmeiras cogita escalar Dudu contra a Ponte Preta
Adventista



Por ritmo de jogo, Palmeiras cogita escalar Dudu contra a Ponte Preta

Fonte: Felipe Zito
SHARE

O Palmeiras ainda avalia a possibilidade de contar com Dudu na
partida contra a Ponte Preta. Ausente do dia a dia do Verdão desde 20 de março, quando iniciou trabalhos na Seleção, o camisa 7 retorna ao
clube na quarta-feira, horas antes da partida em Campinas, válida pela
última rodada da primeira fase do Campeonato Paulista.

A
ideia da comissão técnica é dar ritmo de jogo ao atacante antes do
início do mata-mata do torneio estadual. Na Seleção, ele não foi
utilizado na goleada sobre o Uruguai e começará no banco diante do Paraguai,
nesta terça-feira.

> VEJA A TABELA DO PAULISTÃO

Um fator que ainda favorece ao Verdão e colabora para uma provável
escalação de Dudu é a questão da logística. O duelo entre Brasil e
Paraguai será disputado na cidade de São Paulo, às 21h45 (de Brasília).
Dos outros palmeirenses convocados, o venezuelano Alejandro Guerra atuará no Chile, enquanto os colombianos Yerry Mina e Miguel Borja entrarão em campo no Equador.

– Talvez o Dudu (entre em campo contra a Ponte), por estar em São Paulo e
se não jogar (pela Seleção, contra o Paraguai)… É uma conversa com
ele. É importante se ele estiver bem para jogar. Se ele não for
utilizado vai ficar sem jogo há quase dez dias. Para uma fase decisiva é
importante ele jogar – afirmou o técnico Eduardo Baptista, em
entrevista ao GloboEsporte.com.

+ Crefisa deve ajudar o Palmeiras a contratar o zagueiro Luan, do Vasco

No último sábado, no 2 a 2 contra o Audax, o Verdão aproveitou a situação confortável na
tabela – e a classificação antecipada – para rodar o elenco e dar chance
aos atletas que não vinham sendo aproveitados com muita frequência em
2017. Para a próxima quarta-feira, porém, o pensamento da comissão é
diferente.Além de fazer o time chegar para a
fase final com ritmo de jogo, Eduardo Baptista fala em recuperar os
pontos perdidos no sábado, na arena, já projetando uma possível
sequência no Campeonato Paulista.

– Lógico que
com o Dudu ainda não sabemos se vamos poder contar. Tem o Guerra, o Mina
e o Borja (convocados), tem o Jean machucado. Mas já é um desenho do
que queremos (time para enfrentar a Ponte). Vamos ter a primeira
linha… Ainda temos uma dúvida entre o Zé Roberto e o Egídio, mas vamos
colocar em campo aquilo que queremos para domingo – disse o treinador.

+ Palmeiras se reapresenta, e Eduardo Baptista testa time com mudanças

– É importante o resultado em Campinas, precisamos recuperar os dois
pontos que perdemos contra o Audax. Nosso plano era vitória, aí seria
muito difícil alguém nos alcançar, mesmo que empatemos (na sequência do
mata-mata). Precisamos desses pontos. Vamos focar para fazer um bom jogo
– completou.

O Palmeiras é o líder geral do
Paulistão, com 25 pontos, quatro de vantagem para o Corinthians. A
pontuação continua a ser contabilizada na fase eliminatória, o que dá ao
dono da melhor campanha o direito de decidir em casa o mata-mata. O
Verdão vai duelar com o Novorizontino nas quartas de final do Paulistão.