População já pode escolher trecho para participar do World Cleanup Day no...
Fullbanner1



População já pode escolher trecho para participar do World Cleanup Day no Rio Vermelho

Fonte: Assessoria.
SHARE
Foto: Assessoria.

Próximo sábado (15) é a data definida mundialmente para que as pessoas somem forças em prol da limpeza do planeta. Mais de 150 países que já aderiram Dia Mundial da Limpeza ou World Cleanup Day. Assim, moradores das mais variadas localidade do mundo se unem e, simultaneamente, cada qual em seu ponto do mapa, limpam espaços públicos retirando resíduos de praças, lagos, terrenos, rios, bairros, praias, parques e os mais variados lugares que compõem a sua cidade.

O secretário municipal de Gestão de Pessoas, Argemiro Ferreira, que coordena a mobilização, junto com os servidores públicos Lindomar Alves e Melquíades Netto, alerta para os cuidados que se deve ter especialmente com a água, atentando-se para o descarte inadequado de detritos em rios: “Esse movimento é um exercício de cidadania, Nós, família, pais, usamos essa proposta como uma ferramenta que vai agir diretamente no comportamento dos nossos filhos, gerando uma mudança na relação que eles têm com a água, que é um bem não renovável”.

Ele demonstra sua preocupação com o futuro e manifesta seu desejo de mudança: “Que a próxima geração aprenda a preservar esse recurso da natureza que é a água” e acrescenta: “Essa atividade não será a solução. Mas, com certeza, irá provocar nas pessoas a reflexão sobre a necessidade de mudar hábitos e desenvolver uma relação mais harmoniosa com os produtos que consome e mais consciente sobre o descarte correto do lixo”.

Em Rondonópolis as ações movidas por essa causa começaram há cerca de um mês e, especificamente, no Dia Mundial da Limpeza, a área escolhida para unir a população a favor de uma Terra mais limpa e saudável foi o Rio Vermelho. Os trechos já foram definidos e quem quiser participar da limpeza no dia 15 pode comparecer na concentração – que  será às 7h na margem direita da desembocadura do Ribeirão Arareau até o antigo prédio da Colônia Z-3 de pescadores profissionais – ou ir direto para a extensão de sua preferência.  As atividades começam às 7h e seguem até o meio-dia e, para sua realização, serão distribuídos luvas e sacos plásticos aos voluntários.

Estão congregados em Rondonópolis segurando a bandeira da limpeza do planeta a Prefeitura Municipal, o Juizado Volante Ambiental (Juvam), representado pela juíza Milene Beltramini – que foi a propositora da adesão ao movimento em Rondonópolis –, o Ministério Público Estadual, o Serviço de Saneamento Ambiental de Rondonópolis (Sanear), a Companhia de Desenvolvimento de Rondonópolis (Coder), o Sindicato dos Mototaxistas, a Associação de Pescadores de Rondonópolis, instituições do terceiro setor e sociedade civil organizada.

Confira os trechos do Rio Vermelho mapeados para limpeza:

Trecho 1 – margem esquerda: ponte nova do Rio Vermelho (Aroldo Marmo de Souza) até o Clube da Fundação Mato Grosso;

Trecho 2 – margem direita: ponte nova do Rio Vermelho (Aroldo Marmo de Souza) até a desembocadura com o Rio Vermelho;

Trecho 3 – margem direita: da desembocadura do Ribeirão Arareau até o antigo prédio da Colônia Z-3 de pescadores profissionais;

Trecho 4 – margem direita: do antigo prédio da Colniza Z-3 de pescadores profissionais até a desembocadura do Córrego Patrimônio;

Trecho 5 – margem direita: da desembocadura do Córrego Patrimônio no Rio Vermelho (Vila Canaã) até a Rua Rio Vermelho no Jardim Amizade;

Trecho 6 – margem direita: na esquina da Avenida Rui Barbosa com a Rua Rio Vermelho no Jardim Amizade até o Beira Rio Tênis Clube no Jardim Boa Esperança;

Trecho 7 – margem direita: do Beira Rio Tênis Clube no Jardim Boa Esperança até o final da Avenida Beira Rio na Vila Mamed, próximo ao elevatório de esgoto.