Polícia prende líder de facção que atuava há 20 anos em Várzea...
Adventista

Fullbanner1


Polícia prende líder de facção que atuava há 20 anos em Várzea Grande

Fonte: Da redação com Repórter MT
SHARE
Foto: Reprodução Repórter MT

A Polícia Civil cumpriu, na manhã desta quarta-feira (28), cinco mandados de prisão e busca e apreensão contra uma facção que negocia armas e drogas na Grande Cuiabá.

De acordo com os investigadores, a operação – denominada “Domínio” – é centralizada no líder da facção criminosa Adriano Carlos da Silva, conhecido como “Fusca”. Ele foi preso nesta manhã, em sua casa, no bairro Jardim Glória I, em Várzea Grande.

O criminoso é apontado como um dos principais elos da facção chamada de a “voz do bairro” – referência aos bairros da região onde mora.

A investigação apontou que Adriano está há mais de 20 anos envolvido com a negociação de armas de fogo e tráfico de drogas. Ele teria a função de controlar os pontos de drogas (biqueiras) do bairro e é um dos responsáveis  por cadastrar novos integrantes da facção em Várzea Grande.

Foram cumpridos cinco mandados judiciais, sendo uma prisão preventiva e quatro mandados de busca e apreensão, todos em residências do suspeito, que possui passagens por crimes contra o patrimônio, porte ilegal de arma, tráfico de drogas e associação criminosa.

A prisão preventiva foi decretada em razão da prática dos crimes de organização criminosa e associação para o tráfico, com pena que pode chegar aos 18 anos de reclusão.

Participam da operação cerca de 20 policiais, entre civis, federais e militares.

Nome da operação

Domínio reflete a forte presença do Estado em todas as regiões de Cuiabá e Várzea Grande no combate a criminalidade, em mais uma ação que reforça o domínio estatal de modo imperativo, combatendo o fortalecimento de qualquer outra ordem paralela.

Foto: Reprodução Repórter MT