Plenário pode votar acordos internacionais
Fullbanner1



Plenário pode votar acordos internacionais

Fonte: NOTÍCIAS DE MATO GROSSO com Agência Câmara
SHARE

O Plenário da Câmara dos Deputados reúne-se às 9 horas para votar seis acordos internacionais. Um dos tratados em pauta é o PDC 389/16, que atualiza a convenção que criou a Agência Multilateral de Garantia ao Investimento (Miga), instituição pertencente ao Banco Mundial que conta com 156 países-membros, incluindo o Brasil.

A instituição trabalha em conjunto com seguradoras privadas para fornecer seguro associado a investimento estrangeiro que cubra o risco político. O seguro para risco político é comum em operações internacionais (como financiamentos e investimentos) que envolvam países com instabilidade política e econômica.

Aviação
Os deputados podem votar ainda o PDC 424/16, que trata de acordo firmado entre o governo brasileiro e os Estados Unidos na área de transporte aéreo. O texto acertado entre os dois países assegura, entre outros pontos, o princípio da livre concorrência entre empresas aéreas americanas e brasileiras.

Além disso, os signatários acordam em permitir que a outra parte sobrevoe seu território sem pousar, e que tenha o direito de fazer escalas para fins não comerciais.

Também estão na pauta desta quarta:
– o PDC 1292/13: aprova o texto da decisão do Conselho do Mercado Comum do Mercosul que estabelece a estrutura do Instituto de Política de Direitos Humanos;
– o PDC 553/16, que ratifica acordo entre Brasil e Suécia na área de defesa;
– o PDC 261/15, que aprova a criação do Instituto Pan-Americano de Geografia e História (IPGH), organismo internacional da Organização dos Estados Americanos (OEA); e
– o PDC, 531/16, que aprova o texto do acordo sobre auxílio jurídico mútuo em matéria penal entre o Brasil e a Jordânia.

Confira a pauta completa