PF manda mais “bombas” de MT a Fux
Fullbanner1



PF manda mais “bombas” de MT a Fux

Fonte: Da Redação NMT
SHARE
Foto - Reprodução

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Fux, que conduz investigações dos desmembramentos da chamada “Lava Jato Pantaneira”, recebeu da Polícia Federal, recentemente, novas cópias de documentos apreendidos na “Operação Malebolge”, que foi a 12ª fase da “Ararath”, e que envolvem mais detalhes sobre as autoridades já investigadas e até mesmo a inclusão de novos nomes em diversos indícios de esquemas criminosos no estado. Segundo o previamente divulgado pela imprensa de Cuiabá, gente com e sem mandato está citado na remessa, já que Fux centralizou em si todo o trabalho e recebimento de material, independente do foro privilegiado ou não.  O responsável pela trabalho encaminhado ao STF é o delegado da PF, Wilson Rodrigues de Souza Filho. Os dados foram enviados no último dia 28 de junho. O ponto alto das investigações, até agora, foi a delação do ex-governador de Mato Grosso, Silval Barbosa, classificada pelo próprio Fux como “monstruosa” pela riqueza de vídeos e comprovações que levaram à lona boa parte dos figurões do estado.