Pequenos produtores comercializam R$ 70 mil na Fit Pantanal
Supermoveis



Pequenos produtores comercializam R$ 70 mil na Fit Pantanal

Fonte: NOTÍCIAS DE MATO GROSSO com Assessoria
SHARE

Associações de produtos de agricultores familiares de 17 municípios comercializaram mais de R$ 70 mil durante os quatros dias da Feira Internacional de Turismo do Pantanal (FIT), ocorrida no último final de semana no Centro de Eventos do Pantanal, em Cuiabá.

Toda a estrutura do stand da agricultura familiar, localizado na área verde da feira, foi promovida pelo Governo de Mato Grosso, por meio da Secretaria de Estado de Agricultura Familiar e Assuntos Fundiários (Seaf-MT), com apoio da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sedec-MT).

Vania Prado, que vende doce e compota em Nossa Senhoria do Livramento, participou da feira como expositora. “Há 40 anos vendemos doces, uma tradição familiar e é a primeira vez que o Estado dá essa oportunidade para o pequeno revender em uma feira tão grande. Foi ótimo e na próxima estamos preparados para participar de novo”.

O stand possuía 24 bancas para que fossem comercializados produtos como doces e compotas, plantas medicinais e fitoterápicas, cachaça artesanal, café, castanha, produtos da sociobiodiversidade, guaraná em pó, mel, verduras, legumes, própolis, grãos, banana e mandioca chips, rapadura, farinha, linguiça suína, bovina e de cordeiro, matrinxã defumada e salame de cordeiro.

Segundo o titular da Seaf, Suelme Fernandes, a agricultura familiar foi um dos principais destaques da feira. “Superamos as expectativas com as vendas e o governador Pedro Taques elogiou o trabalho das associações presentes. O Estado deu a oportunidade para o pequeno produtor competir na comercialização, com a mesma estrutura das grandes empresas durante a FIT, sobressaindo-se com a qualidade e diversidade de produtos da agricultura familiar”.

Os 17 municípios que representaram os pequenos produtores de todo o estado foram: Juruena, Poconé, Terra Nova do Norte, Chapada dos Guimarães, São José dos Quatro Marcos, Nobres, Várzea Grande, Colniza, Alta Floresta, Juína, Cuiabá, Alto Araguaia, Peixoto de Azevedo e Santo Antônio de Leverger.

“Gostaríamos de agradecer o espaço cedido pelo Governo para que possamos apresentar e vender os produtos da sociobiodiversidade da Amazônia, que são variados tipos de castanhas e produtos oriundos dela, diretamente de Alta Floresta”, comentou Albino Santos Filho, da empresa Castranhaf, uma das campeãs de venda no stand.

O secretário-adjunto de Turismo de Mato Grosso, Luis Carlos Nigro, comentou sobre os negócios feitos no stand. “O pequeno produtor teve a oportunidade vender os produtos na FIT, não só para o público, mas também fazendo negócios indiretos e, com certeza, estarão na próxima edição da feira”.

O deputado estadual Ondanir Bortolini, o Nininho, parabenizou a Seaf e o governador pela promoção da FIT. “Mato Grosso vendeu a agricultura familiar para o mundo, demonstrou o potencial dos pequenos produtores. Fiz a minha compra e estou satisfeito com os produtos que vi”, comentou.