Pavimentação da Estrada do Matão deve começar em breve
Fullbanner1

Fullbanner2


Pavimentação da Estrada do Matão deve começar em breve

Fonte: Assessoria
SHARE
A pavimentação da Estrada do Matão (MT-473), aguardada há 30 anos pela região do município de Pontes e Lacerda (457 km de Cuiabá), caminha para os trâmites finais. Em visita ao município para participar da 25ª Expoeste o vice-governador Carlos Fávaro informou que Governo do Estado aguarda manifestação da empresa que ganhou a licitação para dar a ordem de serviço.
“A empresa precisa apresentar um cheque caução e assinar o contrato para podermos dar início às obras”, disse Fávaro em reunião no Sindicato Rural do município com os representantes da Associação do Matão e lideranças da região.
A licitação dos sete quilômetros iniciais rodovia foi lançada pelo governador Pedro Taques em março de 2016. Na época, Taques também entregou, por meio de uma parceria com a Associação do Matão, os maquinários que seriam usados na manutenção da estrada. Com essa parceria, além das máquinas, a Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra) repassaria recursos financeiros e óleo diesel para a Associação manter a rodovia transitável.
flavio
“Passado o trâmite da burocracia, foi feito o chamamento, e o secretário da Sinfra, Marcelo Duarte, me informou que o repasse já pode ser feito. A Sinfra fará uma nova liberação de diesel”. O repasse do recurso será feito por meio de um convênio, que será formalizado na semana que vem. O valor é de R$ 80 mil por mês, contando a partir de julho.
Além disso, Fávaro informou que um veículo será disponibilizado para a Associação fazer o transporte dos funcionários na manutenção da rodovia. O carro será cedido por meio de um convênio com o Instituto de Defesa Agropecuária (Indea-MT), que renovou 40% de sua frota de veículos.
O prefeito de Pontes e Lacerda, Alcindo Barcelos, destacou a importância dessas ações para a realização da obra. “Cerca de 70% da produção passa pela estrada, que é considerada a via artéria do município. Estamos muito felizes com as boas notícias dadas pelo vice-governador, pois, mais de quatro mil pessoas serão beneficiadas. Sabemos que somente com o apoio do Estado teremos mais progresso e desenvolvimento para a nossa cidade”.
O deputado estadual Wancley Carvalho, que é de Pontes e Lacerda, lembrou que essa é uma reivindicação antiga e que a população agradece por essa conquista e pelo trabalho do governo na região oeste do estado.
Expoeste
Em sua fala na abertura da palestra do ex-ministro da Agricultura, Roberto Rodrigues, Fávaro agradeceu o convite e reafirmou o compromisso do governo em fortalecer a economia do estado. “A vocação de Mato Grosso é produzir alimentos, por isso temos que fortalecer a nossa origem, com a agricultura, a integração lavoura-pecuária e a verticalização dessa produção”.
aiaiia
“Passado o trâmite da burocracia, foi feito o chamamento, e o secretário da Sinfra, Marcelo Duarte, me informou que o repasse já pode ser feito. A Sinfra fará uma nova liberação de diesel”. O repasse do recurso será feito por meio de um convênio, que será formalizado na semana que vem. O valor é de R$ 80 mil por mês, contando a partir de julho.
Além disso, Fávaro informou que um veículo será disponibilizado para a Associação fazer o transporte dos funcionários na manutenção da rodovia. O carro será cedido por meio de um convênio com o Instituto de Defesa Agropecuária (Indea-MT), que renovou 40% de sua frota de veículos.
O prefeito de Pontes e Lacerda, Alcindo Barcelos, destacou a importância dessas ações para a realização da obra. “Cerca de 70% da produção passa pela estrada, que é considerada a via artéria do município. Estamos muito felizes com as boas notícias dadas pelo vice-governador, pois, mais de quatro mil pessoas serão beneficiadas. Sabemos que somente com o apoio do Estado teremos mais progresso e desenvolvimento para a nossa cidade”.
O deputado estadual Wancley Carvalho, que é de Pontes e Lacerda, lembrou que essa é uma reivindicação antiga e que a população agradece por essa conquista e pelo trabalho do governo na região oeste do estado.
Expoeste
Em sua fala na abertura da palestra do ex-ministro da Agricultura, Roberto Rodrigues, Fávaro agradeceu o convite e reafirmou o compromisso do governo em fortalecer a economia do estado. “A vocação de Mato Grosso é produzir alimentos, por isso temos que fortalecer a nossa origem, com a agricultura, a integração lavoura-pecuária e a verticalização dessa produção”.
O vice-governador também destacou a reabertura de plantas frigoríficas e a conquista da inclusão do estado no Sistema Brasileiro de Inspeção de Produtos de Origem Animal (Sisbi-Poa) e no Sistema Unificado de Atenção à Sanidade Agropecuária (Suasa), anunciado na segunda-feira (08) pelo governador Pedro Taques durante a abertura da 45ª Exposul, em Rondonópolis.
Com isso, os produtos de origem animal e vegetal produzidos em Mato Grosso poderão ser comercializados em outros estados do país, desde que contenham o selo de inspeção que passa a ser emitido pelo Indea-MT. “O Brasil recupera suas crises pela força do agronegócio. Com essa adesão, 41 plantas medianas poderão se cadastrar ao Sisbi e comercializar seus produtos para os demais estados do Brasil”.
Montreal