Pastor estupra e engravida enteada em MT
Fullbanner1



Pastor estupra e engravida enteada em MT

Fonte: Dayene Paz
SHARE
Ilustrativa

Um pastor, que não teve identidade revelada pela polícia, foi preso por policiais da Delegacia Especializada de Defesa da Mulher de Cáceres, acusado de estuprar e engravidar uma das enteadas, também de abusar de outra enteada, de apenas 11 anos de idade.

De acordo com as informações da Polícia Civil, os abusos aconteceram por quase dois anos na residência da família, localizada no bairro São José, nos momentos em que a mãe das vítimas estava trabalhando como cuidadora de idosos e cozinheira. Segundo as adolescentes, o investigado as ameaçava caso contassem a alguém sobre os abusos. Quando perguntada pela mãe sobre quem seria o pai da criança, a filha – que à época tinha 16 anos – se calava porque o suspeito sempre estava por perto.

Após a gravidez e o nascimento da criança que teve com a enteada, o pastor fugiu para a cidade de Rio Branco, no Acre, onde estaria realizando pregações junto a um grupo de sem-tetos. De acordo com a delegada à frente do caso, Judá Maali, a investigação reuniu esforços conjuntos das Polícias Civis de Mato Grosso e do Acre para descobrir a localização exata do investigado. A delegada representou pela prisão do suspeito, que foi deferida pela Comarca de Cáceres.

Em contato com o delegado do Núcleo de Capturas da Polícia Civil (Necap), no Acre, Ricardo Casas, foi realizada a prisão do suspeito na sexta-feira (26). O investigado foi localizado no bairro Tancredo Neves e posteriormente encaminhado à unidade prisional, onde ficará à disposição do Judiciário.

Com informações da Polícia Cívil