Paralisação dos caminhoneiros afeta Educação; transporte de urgência na Saúde mantido em...
Fullbanner1



Paralisação dos caminhoneiros afeta Educação; transporte de urgência na Saúde mantido em Rondonópolis

Fonte: Da redação
SHARE

A Prefeitura de Rondonópolis informa que em função da paralisação dos caminhoneiros alguns serviços públicos foram afetados, mas está garantido pelos próximos dias, o atendimento de emergência na Saúde. Estão mantidos os atendimentos do Samu, das ambulâncias utilizadas para transportar pacientes em casos de urgência e o transporte dos pacientes que fazem tratamento no Centro de Nefrologia.

Na Educação, a secretária da Pasta, Carmem Garcia Monteiro, explicou que o transporte de alunos para a zona rural está comprometido. Algumas linhas mais longas estão suspensas já no período da tarde desta sexta-feira (25).

Caso não se normalize a situação do desabastecimento de combustível na cidade, na segunda-feira (28), o transporte de alunos para a zona rural está suspenso. A secretária destaca que os diretores das escolas rurais já foram avisados sobre a situação.

Carmem reforçou que conforme a Lei de Diretrizes da Educação (LDB) é obrigatório que seja cumprido o ano letivo, com 200 dias e um total de 800 horas aula, assim quando a situação do desabastecimento de combustíveis estiver normalizada será programada a reposição das aulas perdidas pelos alunos da zona rural.