Pai filma estupro da própria filha em VG e diz: “ela é...
Supermoveis



Pai filma estupro da própria filha em VG e diz: “ela é esperta”

Fonte: Da redação
SHARE
Foto: Reprodução.

Luís Carlos da Silva, de 32 anos, foi preso no último sábado pelo estupro da própria filha, de apenas 6 anos, no bairro Jardim Icaraí, em Várzea Grande. Além de abusar, ele filmava os momentos íntimos em um telefone celular.

Ao dar entrevista ao programa Cadeia Neles (TV Villa Real) confessando o crime, ele tentou responsabilizar a menina, alegando que ela sabia o que estava fazendo e que era a criança que gravava os vídeos. “Essa menina é esperta. Ela sabe o que faz. Não sei o que fiz, mas foi ela que gravou”, declarou a reportagem.

Ele continua, dizendo que a filha já havia sido abusada por um tio meses antes, mas que ninguém fez nada. Relatou ainda que ela é experiente porque ela presencia as relações sexuais da mãe com o atual namorado.

O caso chocou até mesmo os policiais. “Por mais acostumados que estamos com esses casos de violência, esse em especial afeta muito o nosso intuito de estar prevenindo, combatendo, ainda mais sendo um caso de família. Revolta toda a sociedade e não se admite esse absurdo”, disse o investigador  da PCJ, Celso Figueiredo.

O caso foi descoberto pela prima do acusado em um momento de descuido. Ela encaminhou os vídeos para a mãe da menina que está separada do acusado há sete meses e imediatamente acionou a polícia.

Segundo a polícia, que teve acesso às imagens do estupro, são cenas chocantes. O homem chegou a ameaçar a filha, para que ela realizasse seus desejos, forçando-a a fazer sexo oral, passando o órgão sexual nas partes íntimas da filha. O que mais chocou os policiais foi o fato de que Luiz Carlos estava sóbrio no momento em que estuprava a filha e com frieza, confessou o abuso.

O acusado deverá responder pelo crime de estupro de vulnerável. Ele já tinha passagens por roubo. Com Folhamax.