O que a perca de peso me ensinou sobre Liderança e Gestão...
Supermoveis

Fullbanner2


O que a perca de peso me ensinou sobre Liderança e Gestão de Mudanças nas Empresas

Fonte: Assessoria
SHARE

Por Cynthia Lemos

“Cynthia, precisamos de um trabalho junto aos nossos líderes e toda a equipe sobre gestão de mudanças. Estamos com um grande desafio e talvez nesse processo muitos podem não se adaptar, porém queremos por meio do seu trabalho, possibilitar a eles uma maior resiliência para enfrentarem esse período de mudanças. Você poderia nos enviar um orçamento?”, me solicitou o cliente.

Ali pegou! Após compreender a fundo sobre o que se tratava, pensei: Como vou tocar essas pessoa? Me parecia algo que iria “doer” em muitos. E como eles poderiam criar conexão comigo a ponto de saberem que eu entendia sobre aquela mudança em essência.

Final de ano, período de festas, orçamento aprovado, e eu a refletir nos vários dias sobre como seria a condução desse trabalho, de modo que fosse gerar atitudes que transformassem de forma positiva aquele ambiente.  No final do mês de janeiro, o processo iniciaria e eu precisava encontrar o “COMO” …o meio pelo qual aquelas pessoas seriam tocadas.

Primeiro de janeiro, mais um ano iniciando, olhei para o espelho, roupa apertada, incomodando, pensei: “Nossa vou ter que trocar, isso realmente está apertado!”

Ali os pontos se ligaram, estava eu a aumentar mais um número da calça, estava eu ainda com as minhas falas conformistas:

-Sou feliz assim…

-Adoro comer…

-Não faço nada que não gosto!

Encontrei o meu desafio,  bem onde estava a minha dificuldade, meu ponto de compreensão sobre a “dor” que aqueles líderes iriam enfrentar.

“Difícil heim?  Será que eu realmente vou querer mexer com isso? Suportarei?”, eram as minhas indagações. Até porque eu já havia tentando várias vezes, mas há 10 anos simplesmente desisti de emagrecer.  Tinha dito para mim mesmo que seria feliz, porque comida era sinônimo de felicidade e colocar um basta nessa crença resultaria em tristeza, dor e sofrimento.

Poxa, mexer nisso seria desafiador… será mesmo? E eu resolvi que sim! Decidi que iria encarar aquele desafio naquela empresa, e a minha experiência de mudança me ajudaria a compreender melhor a dor daqueles líderes e com isso juntos teríamos mais conexão, para que juntos pudéssemos enfrentar aquele processo e superar  todos os obstáculos que dali surgissem.

Eu fui, aliás, nós fomos! Eu compartilhei meu desafio de uma conquista difícil com eles. Um desafio de uma escolha que dependia de muita coragem, foco, persistência, decisão, disciplina, mudança de crenças…

Hoje essa empresa está no processo de mudança, vencendo muitos desafios, eu sei que sim, pois sou cliente… e eu 20 kgs a menos, roupa mais folgada, novas crenças e feliz.

Pois não há melhor sentimento que vencer a si mesmo, vencer suas crenças, vencer suas dúvidas, medos, ser amiga da mudança, amiga da inovação, de dentro para fora, de forma sustentável!

Com essa experiência escrita para compartilhar com você, apresentei para o senhor  Aldo Locatelli, empresário no ramo de postos de combustíveis,  pois ele teve a mesma iniciativa dentro de sua empresa  quando perdeu mais de 20 kilos.

“Agora eu sou o exemplo! Têm pessoas se inspirando nas minhas atitudes!”, afirmou Aldo.

Nós dois, atuando em empresas distintas pensamos na mesma atitude para gerar ações transformadoras. Com certeza uma empresa inteira levando esse exemplo para lidar com mais resiliência com os desafios do dia a dia que todos enfrentamos!

“Aldo, posso compartilhar uma foto nossa com um antes e depois? A história do meu artigo não é da sua empresa, mas você também tem usado desta conquista para inspirar outras pessoas!”, perguntei.

Ele respondeu: “Claro que sim!”

E aí está nossa foto, eu com a minha história, Aldo, um empresário que admiro muito com a história dele, ensinando pelo exemplo e aprendendo com essa experiência de se desafiar e superar-se todos os dias!

Assim deixo minha ultima mensagem: “Conquistas pessoais e profissionais tem a mesma origem.. vem de dentro pra fora!”

Compreenda isso, trabalhe-se internamente e colha resultados sustentáveis.

Grande Abraço e até a próxima!

Montreal