Nomes de Fagundes e Geller aparecem em planilha de pagamentos a políticos...
Supermoveis



Nomes de Fagundes e Geller aparecem em planilha de pagamentos a políticos da JBS

Fonte: Da Redação
SHARE
Foto - Reprodução

O atual senador da República por Mato Grosso, Wellington Fagundes (PR), que fica no cargo até, no mínimo, fevereiro de 2023, depois de ser eleito pelo voto popular, ano passado, aparece em uma planilha de pagamento da empresa JBS, dos irmãos Batista, como sendo um dos possíveis destinatários de um montante aplicado pelo grupo empresarial a partidos e figuras políticas. Na mesma lista, inclusive, está o nome do atual presidente Michel Temer (PMDB). Mas voltando ao Mato Grosso, curioso evidenciar que na mesma linha do nome do atual senador também aparece o nome do ex-ministro da Agricultura e Pecuária, Neri Geller (PP), que hoje ainda atua em Brasília, embora nãos mais como chefe do MAPA. Aos dois, está vinculado o valor de R$ 300 mil, classificado como CRÉDITO. Mais a frente da mesma linha, uma especificação de SALDO no valor de 395 mil é visível. O documento, aprendido na sede da JBS, em São Paulo, pela Polícia Federal, teria vinculação com uma conta corrente que pode ter atendido um total de 65 pessoas, incluindo os dois mato-grossenses.

Como diria um narrador de futebol muito famoso, “segue o jogo…”