No primeiro jogo como titular, Robinho rende melhor na ponta do que...
Supermoveis



No primeiro jogo como titular, Robinho rende melhor na ponta do que no meio

Fonte: Rafael Araújo
SHARE

A aguardada estreia de Robinho como titular pelo Atlético-MG, nesta temporada, aconteceu fora de Belo Horizonte. Na vitória por 3 a 2 sobre o Democrata GV, em Valadares, o camisa 7 do Galo mostrou estar completamente recuperado da lesão na costela, que o tirou de ação por mais de um mês. No entanto, a parte física ainda pesa, pois o problema sofrido aconteceu durante a temporada, em um amistoso da seleção brasileira com a Colômbia.

No calor de Governador Valadares, Robinho compôs a segunda linha do 4-1-4-1 montado por Roger Machado, hora caindo pelo lado esquerdo, quase como um ponta em algumas vezes, hora jogando mais centralizado. Apesar da limitação física, o atacante mostrou muito mais poder de decisão jogando do lado do campo. Além disso, enquanto teve condições físicas, mostrou muita voluntariedade na recomposição e até na marcação no setor defensivo.

ATUAÇÕES>>> Trio ofensivo é destaque em vitória do Atlético-MG sobre o Democrata GV>>> Mais um, por favor! Fred agradece a “garçons” por dois gols em vitória

No início do jogo contra o Democrata GV, Fábio Santos, Robinho e Danilo tiveram dificuldades para armar jogadas pelo lado esquerdo. Por causa disso, o atacante foi buscar jogo no meio, mas não teve sucesso. Quando voltou para o lado do campo, no espaço que a defesa adversária deixou, colocou a bola na medida para Fred cabecear e abrir o placar no Mamudão.

Ciente da condição física de Robinho, Roger Machado poupou o atacante do segundo tempo e colocou Cazares em seu lugar já na volta do intervalo. O equatoriano, com uma característica diferente de Robinho, conseguiu jogar melhor pelo meio, mas demorou a se encontrar. Só conseguiu aparecer para o jogo na reta final, conseguiu armar boas jogadas e iniciar a jogada do terceiro gol atleticano, marcado por Fred.

A escolha entre Robinho e Cazares era justamente a dúvida de Roger Machado para a partida deste sábado. No próximo jogo, contra a Chapecoense, pela Primeira Liga, na quarta, só Cazares estará em campo. Sendo assim, a partida contra o Villa Nova, no próximo sábado, pela sexta rodada do Campeonato Mineiro, será a última para o treinador definir quem será o titular no jogo contra o Godoy Cruz, em Mendoza, na estreia do Atlético-MG na Libertadores, dia 8.