Na Câmara do Comércio Brasil – EUA, prefeito discute investimentos para Cuiabá
Fullbanner1

Fullbanner2


Na Câmara do Comércio Brasil – EUA, prefeito discute investimentos para Cuiabá

Fonte: Assessoria
SHARE

O prefeito Emanuel Pinheiro e a Câmara do Comércio Brasil – EUA dialogaram sobre formas de investimento a fim de fomentar a economia cuiabana, durante um encontro que aconteceu nesta terça-feira (15), na sede da instituição, em Nova Iorque. A reunião foi marcada por um amplo e aberto diálogo que objetivou definir missões empresariais e articular iniciativas que estimulem o interesse de empresários tanto da nossa região, bem como dos Estados Unidos, a instalar-se em ambos os territórios, contribuindo diretamente para a prospecção de Cuiabá como um forte centro socioeconômico.

Para o prefeito Emanuel Pinheiro, seu segundo compromisso oficial como chefe do Executivo no país fortaleceu ainda mais o potencial que a Capital mato-grossense possui, projetando-a em âmbitos para além de suas limitações territoriais estaduais e nacionais. De acordo com o gestor, é crucial apresentar a cidade verde por sua essência, que engloba uma excelente localização geográfica, altíssimo poder no setor de agronegócios e uma economia pulsante e promissora.

“Tivemos uma agenda altamente positiva para nossa terra, onde pude articular algumas propostas que vão ao encontro das nossas potencialidades. A exemplo disso, estamos planejando um grande seminário que será realizado em Nova Iorque, em abril de 2018, propositalmente no período que compreende as comemorações vinculadas aos nossos 299 anos. Este evento será acompanhado por empresários cuiabanos, com o intuito de promover a relação bilateral entre nossa cidade e os Estados Unidos. A premissa é atrair os olhos para o potencial econômico da nossa Capital, permitindo também que haja uma proximidade entre os investidores de ambas as localidades. Nesta ocasião, teremos um foco bem definido, que concentra-se em três pilares fundamentais, que são o agronegócio, o ecoturismo e a infraestrutura. A Prefeitura de Cuiabá e a Câmara do Comércio trarão dirigentes de instituições ligadas a estes setores para participarem do congresso e estamos entusiasmados com a possibilidade do surgimento de uma excelente relação econômica entre estas duas regiões”, afirmou.

Para o diretor da Câmara do Comércio Brasil – EUA, Roberto Azevedo, o passo ousado dado pelo prefeito Emanuel Pinheiro salienta o pioneirismo desta gestão, que tem atuado pontualmente em busca de medidas efetivas que redefinam o futuro da Capital, em vista de seu tricentenário. Segundo ele, é fundamental que outras regiões brasileiras sejam valorizadas por suas atribuições participativas que contribuem diretamente para o fortalecimento do Brasil como nação produtiva.

“Fala-se muito da região centro-sul e esquece-se de outras áreas que estão crescendo com rapidez e de forma segura, baseadas em uma indústria muito mais bem sedimentada e que hoje é muito importante para o Brasil, embora não seja muito conhecida aqui. Considerando isso, penso que o momento é extremamente oportuno para chamar a atenção dos investidores para as possibilidades que existem em se tratando de infraestrutura, agricultura e indústrias de forma geral em Cuiabá e em toda a sua região. É necessário direcionarmos nossa atenção para os atributos desta e de outras localidades, desviando um pouco o nosso foco de apenas um centro específico, para dimensionarmos outras oportunidades que são boas e até melhores daquelas que encontramos no centro-sul. Além disso, é válido pontuar que a taxa de crescimento em outras regiões é superior ao crescimento médio no país e, sobretudo, ainda temos na Capital mato-grossense um ritmo diferente daquele que testemunhamos em São Paulo e Rio de Janeiro. A região também compreende o riquíssimo Pantanal, um dos locais que eu recomendaria para todo americano”, concluiu.

Montreal