MT é o primeiro do país a institucionalizar Coaching na gestão pública
Fullbanner1

Fullbanner2


MT é o primeiro do país a institucionalizar Coaching na gestão pública

Fonte: NOTÍCIAS DE MATO GROSSO com Assessoria
SHARE

Mato Grosso se tornou pioneiro na implantação do coaching no serviço público. O governador do Estado, Pedro Taques, assinou, na manhã desta terça-feira (27.06), o decreto que institucionaliza a metodologia como ferramenta de gestão pública. O ato ocorreu durante a realização do Workshop de Liderança e Coaching na Gestão Pública, promovido pela Secretaria de Estado de Gestão (Seges-MT), por meio da Escola de Governo.

A intenção é transformar a cultura do serviço público, por meio da implantação desta metodologia, que potencializa os resultados e traz benefícios que atingem todas as esferas de Governo e a sociedade.

Conforme o governador, o Estado está trazendo este conceito da iniciativa privada e adaptando para melhorar a prestação de serviços ao cidadão. Taques ressaltou ainda a importância do fortalecimento da Escola de Governo, que deve atuar como referência da formação de líderes.

“O fortalecimento da Escola de Governo é o melhoramento da qualidade do serviço público. Os servidores representam o maior patrimônio que o Estado possui. Se tivermos servidores que trabalhem com ambiência profissional, com estímulo e formação continuada, nós teremos uma prestação de serviço melhor”, afirmou.

Segundo o secretário de Estado de Gestão, Júlio Modesto, o decreto torna oficial que o coaching está dentro das atividades que a Escola de Governo vai desenvolver para formação dos servidores do Executivo mato-grossense. Isso possibilita que o trabalho nesta área continue, mesmo com a troca de gestão, evitando retrocessos.

“Estamos dando um passo importante, trazendo o coaching para a vida dos nossos servidores. Num momento em que você vive com escassez de recursos, o trabalho da equipe precisa estar potencializado, e o trabalho do coaching é desenvolver as equipes nesse sentido”.

Ele citou também como um avanço a construção do novo Centro de Serviços ao servidor no Centro Político Administrativo. Além de concentrar serviços que facilitam a vida dos servidores, como lojas, restaurantes, salão de beleza, mercado, o espaço abrigará a nova sede da Escola de Governo, mais ampla, equipada, e próxima ao servidor.

O coaching é também uma ferramenta de motivação aos servidores, conforme frisou o superintendente da Escola de Governo, Paulino Shigueo Yoshida. A metodologia, segundo o gestor, faz parte dos objetivos da Escola, que é proporcionar as ferramentas e meios para que os objetivos da administração pública sejam alcançados, por meio da capacitação.

No evento, foi lançado o livro “Sem Limites – Coaching Potencializando Pessoas”, que contém um capítulo escrito pela Master Executive Coach da Escola de Governo da Seges, Tatiane Barbieri. Ela também ministrou a palestra “Como Transformar Gestores Públicos em Verdadeiros Líderes Coaches”.

Coaching

O Coaching é uma ferramenta de gestão e liderança que traz uma melhora nas metas e objetivos pessoais e profissionais das pessoas, de acordo com Tatiane Barbieri. Ela foi a idealizadora do projeto, que está na 17ª edição, e já contemplou mais de 20 secretarias e capacitou 350 líderes.

Ela contou ainda que o programa já realizou consultorias junto às secretarias para descobrir quais as necessidades de cada órgão e, a partir daí, realizar um treinamento específico para cada um.

“O coaching identifica o estado atual de uma situação, e nos leva até o estado desejado. Um plano de Governo que precisa ser entregue, os planos de trabalho anuais, auxiliar na realização disso é o que se deseja. O coaching te conduz, te auxilia, e identifica a melhor estratégia para atingir resultados”, explicou a especialista, sobre a importância de aplicar a ferramenta na gestão pública.

Montreal