Medeiros e Magno rebatem petistas e pedem a inclusão de Moro em...
Adventista



Medeiros e Magno rebatem petistas e pedem a inclusão de Moro em seus nomes

Fonte:
SHARE
Foto - Arquivo Pessoal

Após uma onda de congressistas petistas e aliados, entre deputados e senadores, protocolarem o pedido formal para acrescentarem o nome “Lula” em seus nomes parlamentares, ou seja, no método oficial de tratamento, nome em painel e outras deliberações internas das respectivas Casas de Leis, o senador de Mato Grosso, José Medeiros (PODE), e posteriormente o capixaba, Magno Malta (PR), resolveram contra-atacar a medida populista da esquerda e solicitaram da Presidência do Senado Federal que inclua no tratamento dado a eles o nome de Moro. O mato-grossense, por exemplo, passaria a se chamar José Moro Medeiros, enquanto no mesmo plenário teria Lindbergh Lula Faria. Mais a frente e em pontuação mais realista, Medeiros criticou a atitude e ressaltou não existir no regimento interno dispositivos que possibilitem esta alteração, visto que esta definição é única no início do mandato. Mas salientou que caso a solicitação dos aliados do ex-presidente avance, quer “homenagear” o magistrado que mandou prender o petista. “Entre o presidiário e o juiz, eu fico com o juiz”, cutucou, Medeiros.