Marca do Pitbull: Felipe Melo mostra liderança e repertório no Palmeiras
Fullbanner1

Gov

Macropel

Marca do Pitbull: Felipe Melo mostra liderança e repertório no Palmeiras

Fonte: Felipe Zito e Rodrigo Faber
SHARE

Um jogador
comunicativo e até didático com os companheiros de equipe. Considerado
um dos principais – senão o principal – reforço do Palmeiras para 2017,
Felipe Melo imprime cada vez mais seu estilo ao dia a dia do Verdão. O
respeito por parte dos torcedores se transforma em auxílio ao técnico
Eduardo Baptista dentro de campo.

Ativo
em redes sociais, onde interage com os palmeirenses e fãs dos outros
clubes por onde passou, Felipe Melo tem se destacado não somente pelo
próprio desempenho nos treinos do Palmeiras, mas por constantemente se
dirigir aos companheiros de time e dar dicas do ponto de vista tático.  

+ Por Libertadores, Palmeiras adia retornos de Mina e Moisés+ Guerra, Felipe Melo, Veiga… Eduardo abre o jogo sobre elenco+ Palmeiras x Ponte Preta: 13 mil ingressos vendidos para o amistoso

A longa passagem
pela Europa, em clubes de Espanha, Turquia e Itália, aumentou a bagagem
do volante e contribui em um momento onde a experiência é muito
relevante para o Palmeiras. A falta de jogadores com rodagem foi
considerada um dos principais motivos pela queda precoce na última
edição da Taça Libertadores da América, alvo principal do Verdão para
2017. 


O Felipe vem do futebol europeu, onde as coisas acontecem de maneira
muito próxima do que penso para o futebol. Ele traz
informações importantes, e a gente troca isso – explicou Eduardo
Baptista. 

O
jogo-treino contra o Atibaia, na última quinta-feira, vencido pelo
Palmeiras por 2 a 0, foi só mais um exemplo do que o volante deve
representar para o clube ao longo da temporada. A cada pausa do juiz,
Felipe Melo aproveitava para se dirigir aos companheiros. Gesticulava,
aplaudia, gritava, elogiava… Foi destaque, tanto individualmente como coletivamente. 

O
encaixe ao moderno esquema 4-1-4-1 foi rápido. Além de aumentar a
proteção à zaga, o volante também demonstra facilidade na saída de bola e
na transição com a linha de quatro atletas à sua frente. 

Dos
reforços contratados para 2017, Felipe Melo é o que aparece com menor
concorrência para ser titular. Atualmente, Thiago Santos é o único que
briga pela vaga de volante de contenção. Outros atletas experientes,
como Michel Bastos, Willian e Alejandro Guerra, terão brigas mais
acirradas para chegarem à formação principal.