Mamãe me acode…
Supermoveis



Mamãe me acode…

Fonte: Da Redação NMT
SHARE
Medeiros e Malta são amigos pessoais e executam diversos trabalhos conjunto, como a CPI dos Maus Tratos, que investiga casos de abusos contra crianças, no Senado Federal. Foto - Arquivo/Senado

Talvez o senador mais relevante, popularmente falando, Magno Malta (ES/PR), que até outro dia era cotado a candidato a vice-presidente de Jair Bolsonaro (PSL), mas que irá a reeleição com boas chances de vencer, se manifestou nas redes sociais sobre a decisão recente e unânime do Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso – TRE/MT de cassar o mandato do senador José Medeiros (Pode/MT), em virtude de entendimento sobre irregularidade na ata de registro de candidatura de toda chapa que Medeiros fez parte, em 2010. Magno questionou o fato de todos os envolvidos no processo da ata terem sido absolvidos pelo TRE, como o próprio titular da chapa e hoje governador, Pedro Taques (PSDB), bem como o segundo suplente, Paulo Fiuza, quando o processo era contra a chapa e não contra Medeiros, que sequer assinou o documento. Magno usou a palavra “pinçou” para indicar um estranho afunilamento judicial e chamou o povo de Mato Grosso a manter o amigo mato-grossense no Congresso Nacional, fazendo referência ao novo projeto de Medeiros rumo a Câmara Federal, elencando as lutas que o senador do Podemos travou em Brasília junto consigo. O famoso “mamãe me acode”, expressão rotineira de indignação de sua parte, apareceu. Confira: