Luiz Araújo celebra evolução e pede São Paulo determinado contra o PSTC
Adventista

Fullbanner1


Luiz Araújo celebra evolução e pede São Paulo determinado contra o PSTC

Fonte: Fernando Vidotto
SHARE

O ano de 2017
começou muito bem para Luiz Araújo. O jovem atacante tem dois gols e
três assistências na temporada e tem recebido elogios da torcida e do
treinador Rogério Ceni. Araújo vê grande evolução no seu futebol do ano
passado para cá e credita isso ao trabalho e ao técnico.

– Ano passado foi o meu primeiro como profissional. Não é fácil vestir a
camisa do São Paulo, encarar o Morumbi lotado, mas neste ano eu estou
mais maduro. O Rogério vem sendo fundamental nesta evolução. Ele me dá
segurança, confiança, conversa comigo – diz o jogador.

Mas
Luiz Araújo vai encarar uma forte concorrência para garantir um lugar
no time titular para o duelo contra o PSTC, nesta quarta-feira, pela Copa do Brasil, em Londrina (PR). Wellington Nem está recuperado de lesão e voltou a
treinar com o time. O garoto não se
assusta:

– Fico muito feliz
com a volta dele, feliz pela minha fase também. Quem estiver melhor, o
Rogério vai optar. Quem entrar vai ajudar muito o São Paulo.

LEIA MAIS: Com possibilidade de casa cheia, São Paulo volta ao estádio do Café

O
São Paulo tem tomado muitos gols neste início do ano. No último sábado, o
time ganhava por 2 a 0 do Novorizontino e acabou permitindo o empate. Levar
gols do PSTC, fora de casa, em jogo único, pode significar uma
eliminação na competição – nesta fase, em jogo único, empate faz com que a classificação seja definida nos pênaltis.

Luiz Araújo acredita
na evolução do time para a defesa deixar de ser vazada, mas pede que a
equipe continue jogando da mesma forma.

– Não vai mudar (a forma de jogar). Estamos treinando assim desde a
pré-temporada.  Um time que pressiona, que tem o toque de bola. Vamos entrar com mais vontade e
determinação pra buscar essa vitória.

Veja outras respostas do atacante na entrevista coletiva:

Copa do Brasil– É um jogo muito
importante para nós, temos que sair vitoriosos. Vai ser muito difícil, o
Rogério está estudando muito, vai passar tudo pra gente e vamos buscar a
vitória. 

 

Riscos da partida– Acho
que o risco pode existir se a gente entrar menosprezando o adversário.
Mas o time é muito determinado, vamos entrar muitos focados e firmes pra
sair vitoriosos.  

Relação com a torcida– Só
tenho a agradecer a todos, é muito especial ouvir a torcida gritando
seu nome. Quando sai de Taquaritinga (interior de São Paulo) nunca imaginei isso, 50 mil
pessoas gritando meu nome. Estou muito feliz pelo meu momento. 

Time está cansando no fim dos jogos?– Não
digo cansando, mas no começo de temporada a perna pesa um pouco. Com o
tempo a gente vai evoluir, melhorar e não vai tomar mais esses gols

Copa do Brasil, único título que falta– É
um titulo que o São Paulo não tem. Vamos buscar, trabalhar. Todos os
campeonatos entramos pra ser campeões, esse não vai ser diferente. Se a
gente ganhar, vai ter um gostinho especial porque vai ser um título
inédito.