Lucas do Rio Verde é a 2ª cidade com melhor desenvolvimento econômico...
Adventista

Fullbanner1


Lucas do Rio Verde é a 2ª cidade com melhor desenvolvimento econômico do Brasil

Fonte:
SHARE

b7ce282aeb51d9e0727b9b352cdca2d2

A cidade de Lucas do Rio Verde (350 km de Cuiabá) é considerada a segunda mais desenvolvida do Brasil entre os 50 municípios com menos de 100 mil habitantes. A cidade mato-grossense perde apenas para Paulínia (SP). A revelação é da Urban Systems.

 

O levantamento realizado pela Urban Systems compõe a pesquisa “As melhores cidades do Brasil para fazer negócios”, publicado na edição 1100 de EXAME. As análises foram produzidas a partir dos dados de 348 cidades brasileiras com população entre 50 mil e 100 mil habitantes, enquadradas no conceito de cidades “média-pequenas”.

 

De acordo com a pesquisa, tais municípios desse porte (média-pequenas) são responsáveis por 10% do que é produzido no Brasil e ainda concentram 11% das empresas e 12% da população brasileira.

 

Lucas do Rio Verde foi considerada pela pesquisa a 2ª cidade “pequena” mais desenvolvida do Brasil. O agronegócio e a produção agrícola, com a presença de indústrias e tradings foram os fatores que puxaram o resultado. Com uma população estimada em 57.285 habitantes, o PIB (Produto Interno Bruto) per capita está na casa dos R$ 50.146. A taxa de analfabetismo em Lucas do Rio Verde é de apenas 3,3% para a população acima de 15 anos. De 0 a 14 a pesquisa deu nota 5,272 para o município.

 

Paulínea (SP) ocupou o primeiro lugar. Sede de grandes empresa petrolíferas, a cidade do interior de São Paulo registrou um PIB per capita de R$ 112.324 e uma taxa de analfabetismo de 3,5% para a população acima de 15 anos. De 0 a 14 sua pontuação foi de 5,878, revela a pesquisa.

 

Conforme o levantamento realizado pela Urban Systems, Sorriso ocupa o 16º lugar na pesquisa. A Capital da soja brasileira também destaca-se entre as cidades pequenas mais desenvolvidas motivada, assim como Lucas do Rio Verde, pelo agronegócio e agropecuária. Sorriso possui uma população estimada em 80.298 habitantes e um PIB per capita na casa dos R$ 53.584. A nota atribuída para a cidade entre 0 e 14 foi de 4,714.

 

Viviane Petroli, Olhar Direto