Juíza se irrita com ex-aliado e ameaça processo nos bastidores
Supermoveis



Juíza se irrita com ex-aliado e ameaça processo nos bastidores

Fonte:
SHARE
Foto - Reprodução

A candidata ao senado Selma Arruda (PSL) se meteu em uma nova confusão, desta vez, ele está ameaçando processar o seu ex-apoiador Marcelo Duarte, o Marreta, por uma critica feita nas redes sociais diante de um vídeo da própria juíza dizendo a um eleitor que ele poderia votar no candidato ao senador Procurador Mauro (PSOL) no primeiro voto e nela para o segundo voto. Nos bastidores comenta-se que Juíza teria ameaço processar Marcelo.

Marcelo, mais do que rápido reagiu, quando viu as declarações da Juíza,  em favor do procurador Mauro,  gravou um vídeo na rede social, dizendo que não iria aceitar,  Selma e pedir votos para candidato do PSOL, partido considerado adversário de Bolsonaro. “Não podemos aceitar isso de forma alguma, ela não pode pedir voto para eles, o Bolsonaro não sabe disso”, destacou Marreta. Selma é filiada ao PSL e tem declarado ser a candidata de Bolsonaro no Estado.

Selma em áudio enviado ao Marreta, alertou que ela estaria respondendo uma live de um Internauta, que teria dito que votaria no procurador Mauro.

Por outro lado,  bolsonaristas de Mato Grosso, divulgaram um vídeo com a fala de Selma e com uma outra de Bolsonaro, ainda no hospital, dizendo da necessidade de combater candidatos do PT, PC do B e do PSOL.

Na semana passada, Selma foi acusada de caixa 2 pelo então marqueteiro Júnior Brasa, que acabou sendo dispensado no começo da campanha. Selma Arruda, por outro lado, afirmou que a ação judicial movida por Brasa é uma “armação eleitoral” de seus adv ersários Nilson Leitão (PSDB) e Sebastião Carlos (REDE).