João Mototaxi entra com pedido de licença e Gudo assume cadeira
show

Fullbanner1


João Mototaxi entra com pedido de licença e Gudo assume cadeira

Fonte: Assessoria
SHARE
Foto: Assessoria.

O vereador João Mototaxi (PSL) confirmou na sessão desta quarta-feira (31) da Câmara de Vereadores que vai se licenciar do cargo por motivos de ordem pessoal e que a partir desta quinta-feira (1) o suplente Reginaldo dos Santos, o Gudo, vai assumir o cargo.

O período de licença do parlamentar valerá por 120 dias, mas o vereador ainda não confirmou por quanto tempo vai ficar afastado do parlamento municipal. “Na verdade, tenho umas questões envolvendo os mototaxistas que quero aproveitar essa licença para resolver, devo ficar pelo menos 60  dias fora”, disse o vereador.

João destacou que pretende trabalhar, fora da Câmara, em duas frentes, a primeira delas é com relação ao projeto de reforma  e construção de pontos de mototaxi, e a segunda é a realização de cursos de transporte individual de passageiros para atender a categoria.

Gudo, que na verdade é terceiro suplente, já teve dois mandatos de vereador em Rondonópolis, na década de 90. Ele assume em razão do primeiro suplente Aparecido Soares Lima, o Cidão do Povo, estar ocupando um cargo público e no momento não poderia se dedicar à Câmara, o  segundo suplente Adilson do Naboreiro, pelo mesmo motivo também não assumiu.

Nesta legislatura, João Mototaxi é o segundo vereador que entra com pedido de licença, o primeiro foi Thiago Muniz (PPS) que se licenciou no ano passado e deu espaço para Reginaldo Santos (PPS), homônimo de Gudo.