“Intrusos”: dos 28 gols do Cruzeiro, só dois não foram do setor...
Supermoveis



“Intrusos”: dos 28 gols do Cruzeiro, só dois não foram do setor ofensivo

Fonte: Thaynara Amaral
SHARE

Entrosado, troca de passes rápida, incisivo. Essas são algumas das principais características do ataque do Cruzeiro nesta temporada. O setor ofensivo está tão bem que não dá nem brecha aos jogadores de outras posições do time para balançar as redes adversárias. Tanto é que dos 28 gols da equipe de Mano Menezes este ano, apenas dois não foram dos homens de frente.  E quem são os “intrusos”? O zagueiro Léo e o volante Ariel Cabral. 

O gol de Ariel Cabral (veja no vídeo acima) foi o primeiro do Cruzeiro em partidas oficiais em 2017 e decretou a vitória do time por 1 a 0 sobre o Villa Nova, no Mineirão, pela estreia do Campeonato Mineiro. Léo balançou a rede (veja no vídeo abaixo) na goleada diante do Tupi, por 4 a 0, válida pela terceira rodada do Estadual. E o tento do camisa 3 celeste entrou para a história do clube. Agora, ele está no “top 3” de zagueiros artilheiros da Raposa. Com 17 gols em 225 jogos, o defensor está atrás apenas de Cris (25 gols em 260 partidas) e Geraldão (30 gols em 170 partidas). 

Mais de três gols por jogoOs 28 gols marcados pelo Cruzeiro em 2017 foram distribuídos em nove jogos. Uma média de 3,1 por partida. Até o momento, foram três goleadas: 4 a 0 sobre o Tupi, pelo Mineiro; 6 a 0 diante do São Francisco-PA, pela Copa do Brasil; e 8 a 2 contra o Brasília, em amistoso. Com oito vitórias e um empate, o clube celeste está invicto no ano. Além disso, tem 100% de aproveitamento no Mineirão: cinco triunfos em cinco confrontos. O maior artilheiro do Cruzeiro nesta temporada é Rafael Sobis, com nove gols. Na sequência vem Ramón Ábila e Robinho, ambos com seis, Arrascaeta (3), Ariel Cabral (1), Alisson (1), Elber (1) e Léo (1). Artilheiros Cruzeiro em 2017

Rafael Sobis – 9 golsRamón Ábila – 6 golsRobinho – 6 golsArrascaeta – 3 gols Ariel Cabral – 1 golAlisson – 1 golElber – 1 gol Léo – 1 gol