Governador apresenta PCI durante assembleia internacional
Supermoveis



Governador apresenta PCI durante assembleia internacional

Fonte: NOTÍCIAS DE MATO GROSSO com Assessoria
SHARE

O governador Pedro Taques apresentou, nesta terça-feira (21.03), a estratégia PCI – Produzir, Conservar e Incluir, durante sua participação na assembleia da Tropical Forest Alliance (TFA), em Brasília. A estratégia consiste em uma série de metas para o desenvolvimento sustentável do Estado.

O evento reuniu várias lideranças mundiais engajadas em compartilhar as melhores práticas para a conservação de florestas, ecossistemas tropicais e produção de commodities, incluindo trabalho com pequenos agricultores e outros produtores na intensificação da agricultura sustentável. O PCI é um programa de referência de comprometimento e de liderança, já que Mato Grosso é o único Estado subnacional a participar do TFA. 

Taques avaliou a importância de o Estado estar inserido em um projeto mundial. “Mato Grosso é um Estado que está inserido em um projeto mundial de segurança geopolítica alimentar e precisamos produzir, mas essa nossa produção não significa que tenhamos que destruir o meio ambiente. Nisso estamos juntos, o Estado, o setor produtivo e a sociedade civil organizada”, afirmou Pedro Taques. 

Segundo o ministro do Clima e do Meio Ambiente da Noruega, Vidar Helgesen, é muito importante ter lideranças políticas parceiras na missão de proteção do meio ambiente. Para ele, o chefe do executivo estadual se tornou um aliado no combate ao desmatamento ilegal. “Graças a importantes líderes, como o governador Taques, o Brasil tem conseguido lutar contra o desmatamento ilegal”, enfatizou. 

Para o secretário executivo da Secretaria de Estado do Meio Ambiente (Sema), André Luis Torres Baby, a participação de Mato Grosso na grande aliança do TFA é uma forma de conquistar novas parcerias para investimentos no programa PCI. “Várias organizações internacionais já se reuniram conosco para conhecer a nossa estratégia. Acima de tudo queremos apresentar o PCI e quanto o governo investe nisso, mas também buscamos alianças institucionais e técnicas, assim como financeiras para que a gente possa implementar nossas políticas públicas ambientais”, declarou. 

Já para o diretor executivo estratégico do PCI, Fernando Sampaio, esta oportunidade servirá para que todos os envolvidos sejam comtemplados. “Mato Grosso está ajudando o TFA e nós queremos que o TFA também ajude o estado na estratégia que nós temos. É uma situação de troca que justifica Mato Grosso ter entrado nesta aliança”, avaliou. 

PCI

O programa é um compromisso de Mato Grosso firmado durante o Acordo Global do Clima (COP21) em Paris, para alcançar uma série de metas que aliar a produção à conservação e a inclusão do pequeno produtor em um novo modelo de desenvolvimento econômico. O Estado se comprometeu em reduzir o desmatamento ilegal a zero até o ano de 2020. O executivo também se comprometeu em realizar ações para conter o aquecimento global. 

TFA 2020

O Tropical Forest Alliance 2020 (TFA 2020) é uma parceria público-privada global na qual os parceiros adotam ações voluntárias, individualmente e em conjunto, para reduzir o desmatamento tropical associado ao abastecimento de commodities.

Agindo desta forma reduzem-se significativamente as emissões globais de gases de efeito estufa, melhoram os meios de vida de milhões de pequenos agricultores, conservam-se os habitats naturais e protegem-se as paisagens tropicais para as gerações futuras. Trata-se de um aspecto-chave da promoção de um desenvolvimento econômico rural inclusivo e sustentável e nos países com florestas tropicais.