Gilmar, o Mendes, pode mandar Gilmar, o Fabris, para cadeia outra vez…
Supermoveis



Gilmar, o Mendes, pode mandar Gilmar, o Fabris, para cadeia outra vez…

Fonte: Da Redação
SHARE
Foto - Ednilson Aguiar/O Livre

A novela que virou a autorização ou não do Judiciário sobre a possibilidade do plenário da Assembleia Legislativa de Mato Grosso – ALMT poder votar ou não a manutenção da punição imposta a um dos seus membros, o deputado estadual, Gilmar Fabris (PSD), ainda pode render e muito para o lado do acuso de obstrução de Justiça em meio a Operação Malebolge. Isto porque, neste início de semana, o ministro do STF, Gilmar Mendes, simplesmente indeferiu o pedido de liminar impetrado pelo legislativo estadual em favor a Fabris. A Resolução 5.221, publicada pela ALMT em 24 de outubro, que teve força de Alvará de Soltura ao parlamentar, e que foi prontamente atendido pelas autoridades carcerárias, antes mesmo da manifestação não só do STF, mas do próprio Tribunal Regional Federal da 1º Região – TRF1, corre o risco de perder o efeito. Na mesma data, a procuradoria da Casa de Leis ajuizou reclamação 28786, com pedido de liminar, agora negada.

O que vai desenrolar da história em novos fatos, só o tempo dirá, mas exite um novo conflito entre os poderes ocorrendo… Concomitantemente, o Movimento Brasil Livre de Mato Grosso – MBL/MT, por coincidência ou não, protocolou na Procuradoria Geral da República – PGR um pedido de anulação da mesma resolução em questão.